15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Volvo Ocean Race - Tudo em aberto na classificação da 6ª etapa

 

Vão 24 horas com muito stress para os líderes da 6ª etapa da Volvo Ocean Race.

 

Enquanto o AkzoNobel e o Scallywag enfrentavam uma área de calmaria, os perseguidores têm 10 a 15 nós de vento e recuperam muito. Na verdade, a distância entre o primeiro e o ultimo foi quase reduzida para metade em 24 horas.

 

Mas, os últimos dois relatórios de posição foram mais gentis para os líderes, que conseguiram manter o seu ritmo e até mesmo ganhar novamente algumas milhas. Mas não antes de alguns momentos incómodos a bordo.

 

"É um pouco frustrante quando conseguimos sentir a respiração quente dos outros barcos no nosso pescoço", disse Annemieke Bes, do Scallywag. "Mas acho que conseguimos acabar por sair do outro lado. É um grande alívio ".

 

O skipper, David Witt, sentado ao lado dela no convés, admitiu: "Eu estava a atirar todos os meus brinquedos para fora do barco", enquanto os barcos de trás recuperavam.

 

"Isso é normal", riu Bes.

 

Na parte de trás da frota, a reação aos grandes ganhos feitos nas últimas 24 horas foi relativamente silenciosa, considerando o muito trabalho que ainda falta.

 

"Nós ganhamos muitas milhas em cada turno", disse Blair Tuke, do MAPFRE. "Mas os últimos não foram tão bons para nós. Apanhamos uma grande nuvem e com o Dongfeng tivemos que a contornar. Ainda nos estávamos a mover, mas não para a linha de chegada, de modo que os (principais barcos) estavam a ganhar-nos. Está esticado de novo ao redor (90 milhas). Isso é melhor do que 300 milhas, mas ... "

 

A boa notícia para os barcos de trás é que ainda há um longo caminho a percorrer.

 

Os navegadores estão a comentar acerca de uma faixa com condições ligeiras e variáveis que se estende por mais de 400 milhas. Se esse cenário vier a acontecer, haverá muitos momentos mais nervosos, e muitas outras oportunidades para agitar a tabela classificativa.

 

"Ainda estamos a passar por muitas nuvens", advertiu Martine Grael, do AkzoNobel, cujo equipa continua no duelo pelo primeiro lugar com o Scallywag, e agora também têm a companhia do Brunel.

 

"Nós ainda podemos ter que parar num estacionamento, onde todos nos podem apanhar ... Você só tem que lidar com isso. Faz parte da regata”.

 

A pressão psicológica está ativada. Se apenas o vento ajudasse!

 

Periodicidade Diária

sábado, 15 de maio de 2021 – 20:05:11

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...