15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

MAPFRE vence em Melbourne e ganha duas etapas consecutivas

 

A equipa espanhola do MAPFRE venceu a 3ª etapa da Volvo Ocean Race, que ligou a Cidade do Cabo na África do Sul, a Melbourne na Austrália, uma travessia de 6.500 milhas náuticas nos ferozes Mares do Sul.

 

Pela segunda vez consecutiva, o MAPFRE veio de trás para a frente e assim garantiu a vitória. E também pela segunda vez consecutiva, o Dongfeng Race Team foi a vítima, eles passaram o barco chinês a meio da etapa, e garantiram a vitória.

 

"Tivemos que lutar muito por esta vitória", disse o skipper Xabi Fernández, momentos depois de cruzar a linha de chegada. “Ainda há muitas milhas para percorrer. Mas, por enquanto parece estar tudo bem e estamos muito felizes, é claro ".

 

O Oceano Índicolevou as equipas ao limite. Ventos fortes e gelados, a força da tempestade durante dias e mares enormesforam desafios enormes para os tripulantes, o que não permitiu grandes táticas. 

 

Mas de todas as equipas nesta 3ª etapa, o MAPFRE teve o maior trabalho em numero de manobras, o que lhes permitiu permanecer em condições mais favoráveis ​​por mais tempo do que os seus opositores. Foi uma demonstração poderosa de uma equipa muito forte. 

 

"O ponto mais forte desta equipa, é o grupo de pessoas que temos", reconheceu Fernandez. "Eles são tão bons e dão-nos muito, e trabalharam tanto nesta etapa. Foi tão difícil, mas tudo acabou bem. Agora temos alguns dias para recuperar e podermos preparar-nos para o próximo desafio. "

 

O MAPFRE começou a 3ª etapa já no topo da tabela de classificação, com uma vantagem de um ponto sobre o vencedor da 1ª etapa, o Vestas 11th Hour Racing. Mas, como este primeiro desafio nos Mares do Sul vale a dobrar, a equipa agora vai ficar com uma margem mais confortável - pelo menos seis pontos - dependendo da posição final dos barcos que os seguem.

 

O Dongfeng Race Team está atualmente em segundo lugar, tentando chegar a Melbourne com o sistema da quilha danificado. Mas às 16:30 UTC, a equipa de Charles Caudrelier estava a 45 milhas do final, com 30 milhas de vantagem sobre o Vestas 11th Hour Racing, que por sua vez está a lutar com o Team Brunel, 20 milhas mais atrás. 

 

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 15 de maio de 2021 – 21:55:19

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...