18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Seleção Nacional de Andebol em Cadeira de Rodas recebida no Palácio de Belém

Marcelo Rebelo de Sousa recebeu os Campeões do Mundo e da Europa e agraciou a Federação de Andebol de Portugal com o título de Membro Honorário da Ordem de Mérito entregue a Miguel Laranjeiro, Presidente da Instituição.
 
Decorreu, na manhã desta quinta-feira, a merecida homenagem por parte da Presidência da República e pelo seu representante máximo, Marcelo Rebelo de Sousa, aos Campeões do Mundo e da Europa, no Palácio de Belém, na sequência da conquista histórica dos dois troféus – em novembro passado. A Seleção Nacional de Andebol em Cadeira de Rodas encabeçada pelo Selecionador Nacional, Danilo Ferreira e pelo capitão João Jerónimo, foi recebida como reconhecimento por todo o trabalho desenvolvido ao longo dos anos e que culminou com o feito histórico alcançado em território português, na cidade de Leiria. A cerimónia teve lugar na Sala das Bicas, e teve em representação da Federação de Andebol o Presidente, Miguel Laranjeiro, o Presidente da Mesa da Assembleia Geral, Pedro Gonsalves Mourão e ainda Joaquim Escada, responsável pelo projeto Andebol4All.
 
A cerimónia de homenagem iniciou com um discurso de Miguel Laranjeiro, Presidente da Federação de Andebol de Portugal, agradecendo em nome da instituição que representa este reconhecimento feito à Seleção Campeã Mundial e Europeia de Andebol em Cadeira de Rodas: “Estes homens e mulheres são, efetivamente, Campeões, de vida porque transportam uma carga de vida intensa e, também, do desporto; são estes exemplos de valor, resiliência, esforço, dedicação, foco, de orgulho pela bandeira nacional e por representar Portugal no desporto – importantes para o resto da comunidade nacional – esta receção, aqui, contribui para esta dimensão e é com orgulho que somos recebidos por Sua Exa. Marcelo Rebelo de Sousa. Foi também com surpresa, mas com uma inegável honra, que recebemos hoje das mãos do Sr. Presidente da República, o título de Membro Honorário da Ordem de Mérito. Considero que esta distinção é atribuída pelo trabalho desenvolvido ao longo da história da Federação de Andebol de Portugal, que sempre cumpriu e esteve à altura das suas responsabilidades. Uma Instituição é isso mesmo, e devemos ser sempre credores dessa responsabilidade. Para além da honra que é receber este título, ele acresce comprometimento a todos aqueles que diariamente trabalham pelo engrandecimento do Andebol.”
 
Posteriormente, João Jerónimo, Capitão da Seleção Nacional de Andebol de Cadeira de Rodas, também agradeceu em nome da Seleção Nacional, afirmando que: “Não somos mais nem menos que ninguém, somos atletas e queremos ser reconhecidos como tal, apesar de fazermos parte do desporto adaptado, o desporto é para todos, e nós demonstrámos neste Campeonato do Mundo e da Europa que não existem limites. Em nome de todo o grupo apelo para que atribuam mais ao Desporto Adaptado, porque independentemente das nossas limitações conseguimos trazer medalhas e títulos para Portugal. Queremos também agradecer à Federação de Andebol de Portugal e à sua equipa técnica o trabalho desenvolvido ao longo dos últimos 12 anos, deixámos a fasquia muito alta e, prometemos que continuaremos a trabalhar para conquistar mais títulos.”
 
Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República Portuguesa, fechou o ciclo de discursos, considerando que “o andebol português está a viver uma grande fase, às vezes perdemos a noção de como começámos a ser uma potência no andebol e não era uma modalidade que se dissesse praticada por milhares e milhares de jovens e que apaixonasse muitos portugueses nem muito apoiada no desporto escolar. Somos uma exceção em Portugal, conseguimos em algumas modalidades ter equipas de topo com um fomento da prática nas escolas, o que não está à altura do que se passa nos países vizinhos, tem-se feito muito em demoracia mas é preciso fazer mais. O andebol deve muito à Federação e a esta liderança da Federação que é empolgante e entusiástica e assistimos, nos últimos tempos, a acompanhar o que vão fazendos os nossos representantes com grande emoção, entusiasmo e paixão. Reconheço que há uma diferença brutal que se acelerou nos últimos tempos, e que tem um rosto, um Presidente, uma Direção, uma equipa de trabalho com um papel fundamental para os nossos jogadores. Há um domínio em que se afirmou – o do Desporto Adaptado – mostrando que no essencial são todos iguais mesmo quando são todos diferentes, a vossa atuação que culminou em Leiria, que juntou o título Mundial ao Europeu é uma vitória de equipa, hoje, eu achei que devíamos começar por homenagear a Federação de Andebol de Portugal, sem ela estes sucessos não eram possíveis, como um incentivo para o futuro.”
 
O Presidente da República Portugal acabou por agraciar a Federação de Andebol de Portugal pelo trabalho desenvolvido no âmbito desportivo com o título de Membro Honorário da Ordem de Mérito, que se destina a galardoar atos ou serviços meritórios praticados no exercício de quaisquer funções, públicas ou privadas, que revelem abnegação em favor da colectividade.
 

Periodicidade Diária

domingo, 3 de março de 2024 – 21:30:56

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...