15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Liliana Cá a 22 centímetros da qualificação olímpica direta

 

Atleta do Novas Luzes bateu o seu recorde pessoal e ficou muito perto da qualificação olímpica direta, mantendo-se como a segunda melhor mundial do ano

 

Foi no decorrer das provas de preparação organizadas pela Associação de Atletismo de Lisboa, na pista ao ar livre no CAR Jamor, que a atleta Liliana Cá, do Novas Luzes, obteve mais um fulgurante recorde pessoal, lançando o disco a 63,28 metros, ficando a escassos 22 centímetros (63,50) da qualificação direta para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

 

A atleta ainda fez mais três lançamentos acima dos 60 metros: 62,51, 60,41 e 60,72.

 

Na mesma prova, Ivanilda Lopes (Benfica) lançou a 47,82 metros.

 

Nas restantes provas femininas, Beatriz Fernandes (NucleOeiras) venceu os 1 500 metros em 4.38,19; Inês Cruz (J. Vidigalense) venceu os 200 metros em 25,22 (v: -1,1 m/s); e Margarida Feliciano (Sporting) venceu o lançamento do martelo com a marca de 40,15 metros.

 

Nas provas masculinas, Edujose Lima (Sporting) lançou o disco a 55,43 metros; Miguel Carreira (J. Vidigalense) lançou o martelo a 62,33 metros; Ericsson Tavares (Seia) venceu os 200 metros em 22,17 segundos (v: -1,6 m/s); e Rodrigo Lima (Sporting) venceu os 1 500 metros em 3.59,68 minutos.

 

Dentro do CAR Jamor, Diogo Ferreira (Benfica) passou a fasquia colocada a 5,25 metros no salto com vara, numa prova em que Carlos Pitra (Sporting) atingiu, pela primeira vez, os cinco metros certos.

 

Marta Onofre (Sporting) venceu a prova feminina ao passar os 3,95 metros.

Periodicidade Diária

sexta-feira, 14 de maio de 2021 – 17:34:39

Pesquisar

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...