18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Festival Som Riscado com estreias de artistas nacionais Consagrados e Emergentes

O Som Riscado está de regresso em 2023, desta vez com alguns nomes sonantes da cena musical portuguesa, como os The Gift, Stereossauro e :PAPERCUTZ, mas mantendo sempre o conceito de propostas alternativas que incluem a imagem e a experimentação como algo de fundamental e de traço identitário deste evento único a sul do país.
 
The Gift apresentam Coral - Concerto Multimédia
O álbum Coral, dos The Gift, representa uma inovadora expressão estética para a banda. Composto a partir de um conceito único, combina um coro clássico gravado em Viena com elementos eletrônicos, unidos pela voz de Sónia Tavares. Ao vivo, a apresentação envolve os quatro membros da banda e um coro de 20 cantores/as, totalizando 24 pessoas em palco, num espetáculo visual complexo. A produção do disco contou com a colaboração de talentos como Bernat Vivancos, Bronquio, Ed is Dead, Bogdan Raczynski, Michał Juraszek, Pedro Marques e os Pauliteiros de Miranda. Destaca-se ainda a participação de três das vozes fundadoras do grupo Gaiteiros de Lisboa.
 
Stereossauro: Tristana feat. Ana Magalhães - Concerto Multimédia
Tristana é um disco sobre a perspetiva feminina, onde todas as músicas são centradas nas suas vivências e situações dramáticas. É um tributo às mulheres, às mães, às irmãs, à sua força e ao seu triunfo em situações sistematicamente desfavoráveis, abordando assuntos como a violência doméstica, a saúde mental, as oportunidades perdidas e os desgostos amorosos. Tristana é uma viagem estética pela fusão da música tradicional, a voz do Fado e a guitarra portuguesa com a electrónica, sintetizadores e caixas de ritmos, numa procura de aliar a modernidade e a identidade muito própria de Portugal.
 
:PAPERCUTZ + Ensemble - Concerto Multimédia
Em digressão Europeia, o espetáculo que reúne o premiado produtor e compositor Bruno Miguel, bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian em estudos de música para cinema,  responsável pelo projecto nortenho com carreira internacional de nome :PAPERCUTZ com o orquestrador Bruno Ferreira da Royal Conservatory of Antwerp. Num dos mais ambiciosos projectos de sempre de Bruno Miguel, concebido entre a Islândia, em Reiquiavique com Francesco Fabris, engenheiro responsável por diversas bandas sonoras de filmes e séries detentoras de Oscars e Golden Globes, e gravações no Conservatório do Porto com palavras do escritor Daniel Jonas, Grande Prémio da Literatura, e jovens promissores músicos já com lugar em diversas orquestras internacionais.  O concerto audiovisual conta ainda com a projecção de filmagens originais, pelo realizador Vasco Mendes.  TODA A PROGRAMAÇÂO : https://shorturl.at/nrU16  Com Apoio Da Câmara Municipal de Loulé: Município de Loulé    

Periodicidade Diária

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2024 – 14:59:55

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...