15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

João Rodrigues fascinado no regresso a casa

Atleta nacional garantiu passaporte olímpico para Londres 2012 no último sábado

Mesmo depois de 24 anos de carreira e de ter alcançado pela sexta vez um lugar na comitiva olímpica portuguesa, João Rodrigues continua a ser um homem fascinado pelos resultados e pelas emoções. Em 2012, o velejador português estará nos Jogos Olímpicos de Londres depois do passaporte alcançado no último sábado nos Mundiais de Vela (em Perth, Austrália) e de se ter tornado no primeiro atleta com mais de 40 anos a vencer uma regata no Campeonato do Mundo.

Um amigo mandou-me uma mensagem a dizer, que eram 20 anos em cada perna! Nunca olhei para a idade como impeditivo, embora reconheça que ela já vai pesando. Foi difícil chegar ao fim, manter-me nos 10 primeiros mas eu sempre estipulei como meta, não uma idade concreta, mas enquanto me mantivesse ao mais alto nível, enquanto pudesse ser competitivo, manter-me-ia e assim tem sido”, apontou o bem-disposto João Rodrigues ontem no Aeroporto de Lisboa.

No próximo ano, em Inglaterra, João Rodrigues vai levar a bandeira portuguesa da prancha à vela nos Jogos Olímpicos. É a sexta participação do atleta nacional que, em Londres 2012, sendo um outsider, quer meter-se na luta entre os primeiros.

Estes são os primeiros jogos em muitas edições em que não sou um favorito às medalhas, porque os resultados que estão para trás falam por si mesmo. Quer nesta época, quer na época passada, raramente cheguei ao pódio, portanto nesta altura do campeonato não sou considerado um favorito, mas eu tenho como objectivo pessoal, e já o tenho desde os Jogos de Pequim, chegar à Medal Race e disputar um lugar entre os oito primeiros. Esse objectivo continua perfeitamente válido, acho que tudo o que é atleta sonha sempre em chegar mais à frente e já dizia o poeta que o sonho comanda a vida. Temos de continuar a sonhar e a trabalhar para isso. Se acontecer vai ser muito bonito mas se for o inverso a vida continua”, referiu.

Em Londres 2012, João Rodrigues abraça mais um desafio olímpico na carreira. Para trás estão 24 anos no Mar mas o fascínio de mais um apuramento tem sempre um sabor especial…como se fosse a primeira conquista de um palmarés que está recheado de sucesso.

Acho que há 24 anos atrás, quando tudo isto começou, nunca imaginaria que estaria aqui novamente a preparar-me para uma campanha olímpica. O sentimento que tenho é de fascínio, estou fascinado por poder ter esta oportunidade mais uma vez. Os dois últimos anos foram bastante duros e esta é, por certo, a recompensa pelo trabalho de não termos baixados os braços. Não é só o meu caso, é também o de toda a equipa olímpica que passou por um mar mais turbulento”, concluiu João Rodrigues.

Antes dos Jogos Olímpicos de Londres no próximo ano, o atleta nacional vai ainda participar no Campeonato da Europa, em Fevereiro, que se discute em casa…na Madeira.

 

Periodicidade Diária

sábado, 19 de junho de 2021 – 21:23:49

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...