18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

A The Ocean Race e a Fundação Mirpuri homenageiam navegadores portugueses

 
- Fundação Mirpuri associa-se à comemoração dos 50 anos da regata, recebendo a designação oficial de  “Heritage Guardian”
- O Museu da The Ocean Race, em Alicante, exibe uma exposição desta parceria
- Será entregue um prémio ao navegador do primeiro barco a passar o ponto de passagem Vasco da Gama Mirpuri Foundation
- A boia virtual Vasco da Gama Mirpuri Foundation está a uma latitude de 37 graus para norte, em Sagres, Portugal, correspondendo ao ponto extremo sudoeste da Europa Continental.
 
Desde o seu início como “The Whitbread Round the World Race” em 1973, até à edição atual da The Ocean Race, este é um evento que pretende motivar as pessoas a alcançarem o extraordinário e impulsionar a mudança para um planeta mais saudável e sustentável.
 
“Para comemorar o 50º aniversário desta regata pelos oceanos, criámos um ponto de passagem simbólico na costa portuguesa. Em parceria com o nosso “Heritage Guardian”, a Fundação Mirpuri, queremos homenagear, com um reconhecimento especial, o navegador do primeiro barco a passar a boia virtual no seu caminho pelo Atlântico, durante a sétima e última etapa da volta ao mundo” explicou Richard Brisius, Presidente da The Ocean Race.
 
“É a nossa forma de homenagear os lendários velejadores que descobriram os oceanos por onde navegamos. Demos o nome do grande explorador português, Vasco da Gama, a este marco histórico.”
 
A boia virtual Vasco da Gama Mirpuri Foundation está a uma latitude de 37 graus Norte, em Sagres, Portugal, correspondendo ao ponto extremo sudoeste da Europa Continental. Este local está associado às primeiras viagens oceânicas em torno dos grandes mares do sul.
 
Paulo Mirpuri, presidente da Fundação Mirpuri, afirma: “Como nação, Portugal tem uma longa e rica história marítima, e a oportunidade de celebrar esta cultura a par do 50º aniversário da The Ocean Race como “Heritage Guardian” é um momento de imenso orgulho para a Fundação Mirpuri. Entregaremos o prémio em Génova ao navegador do primeiro barco a passar a boia virtual Vasco da Gama Mirpuri Foundation, honrando os grandes navegadores portugueses que exploraram os oceanos.”
 
O percurso de Haia até à Grande Final em Génova, Itália, contará com duas frotas – IMOCAs e VO65s – cruzando o Oceano Atlântico até ao Mar Mediterrâneo, antes da chegada no final de junho.
 
A classe VO65, onde compete o barco português “Racing for the Planet” com a equipa Mirpuri/Trifork Racing team,  estará na sua terceira e última etapa da The Ocean Race VO65 Sprint Cup, enquanto a classe IMOCA irá competir nesta regata à volta do mundo pelo The Ocean Race Trophy. O ponto de passagem Vasco da Gama Mirpuri Foundation será um marco simbólico no percurso antes das frotas virarem para leste em direção a Gibraltar e entrarem no Mediterrâneo pela última vez. 
 
Não são atribuídos pontos no ponto de passagem Vasco da Gama Mirpuri Foundation, mas a Fundação Mirpuri terá um prémio para o primeiro barco a cruzar a marca, que irá ser atribuído na Grande Final da regata, em Génova, Itália. 
 
 

Periodicidade Diária

domingo, 3 de março de 2024 – 23:22:51

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...