15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Patrícia mamona com recorde nacional e Diploma Olímpico

 

Patrícia Mamona, no Triplo Salto, foi a figura de destaque no dia português nos Jogos Olímpicos Rio 2016. A atleta foi sexta na final e bateu o recorde nacional.

 

O dia português começou com Luciana Diniz na prova de Salto de Obstáculos, em Equestre. Montando Fit For Run 13, a cavaleira portuguesa concluiu com oito pontos de penalização a primeira ronda de qualificação de saltos dos Jogos Olímpicos Rio 2016, faltando agora mais duas rondas de qualificação.

 

Já Pedro Martins, em Badminton, despediu-se do Rio 2016 com a segunda derrota em dois jogos. Hoje, o jogador português enfrentou o atleta de Hong Kong Long Angus Ka e perdeu por 2-0, com os parciais de 21-17 e 21-18.

 

Na Maratona, prova onde Portugal apresentava três atletas, apenas uma concluiu a prova. Dulce Félix foi 16.ª classificada com o tempo de 2:30.39, enquanto Sara Moreira e Jéssica Augusto desistiram.

 

No Golfe, Filipe Lima e Ricardo Gouveia terminaram a sua participação nestes Jogos Olímpicos. Filipe Lima foi 48.º classificado e Ricardo Melo Gouveia 59.º no regresso da modalidade ao programa olímpico 112 anos depois. Na quarta e última volta, Filipe Lima entregou um cartão com 71 pancadas (igual ao par), terminando com um total de 288 (quatro acima). Já Ricardo Melo Gouveia, o melhor português de sempre no ‘ranking’ mundial, terminou a prova com 297 ‘shots’ (13 acima do par), depois de ter feito hoje feito 80 pancadas (nove acima), sendo o último dos golfistas que concluíram a prova.

 

Depois de Pedro Martins, foi a vez de Telma Santos colocar um ponto final na participação portuguesa no Badminton e a jogadora portuguesa voltou a sair derrotada, desta feita frente à belga Lianne Tan, por 2-0, com os parciais de 21-16 e 21-18.

 

A fechar o dia, Patrícia Mamona e Susana Costa participaram na final do Triplo Salto. A atleta do Benfica começou o concurso com dois saltos nulos e à terceira tentativa registou 14.12, o que lhe valeu o nono lugar da final.

 

 

Já Patrícia Mamona foi a sexta classificada nesta final e bateu o recorde nacional, que já lhe pertencia e estava nos 14.58. Esta noite, no Rio de Janeiro, a portuguesa realizou um salto de 14.65mt na sua quinta tentativa e garantiu o sexto lugar na prova e consequente Diploma Olímpico.

 

 

Periodicidade Diária

segunda-feira, 21 de junho de 2021 – 00:25:00

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...