15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Fernando Pimenta e Joana Vasconcelos medalhados na Taça do Mundo

 

 

Ouro e prata colocam Pimenta “à beira do centenário”

 

Na Taça do Mundo de Szeged, Joana Vasconcelos conquistou a medalha de bronze na prova de K1 200 metros e apurou-se para a final de K1 500 metros

 

Fernando Pimenta conquistou mais duas medalhas, desta feita na Taça do Mundo de Velocidade, que decorre até domingo (27 de setembro), na Hungria. Em Szeged, o canoísta português aumentou a coleção de medalhas alcançadas em competições internacionais e já soma, neste momento, 99. No domingo (27 de setembro), o campeão português participa na final de K1 5.000 metros, que decorre às 15h05 (hora portuguesa).

 

Na Taça do Mundo de Szeged, a única competição internacional de velocidade no ano de 2020, Fernando Pimenta alcançou a medalha de ouro na prova de K1 1.000 metros, derrotando o húngaro Balint Kopasz, atual campeão do Mundo. Numa vitória praticamente discutida a dois, o canoísta luso reeditou um duelo antigo e terminou na frente com o tempo de 3.26.48 minutos, deixando o atleta da Hungria a 24 centésimas. A medalha de bronze foi alcançada pelo também húngaro Adam Varga (3.29.10 minutos).

 

Na prova de K1 500 metros, Fernando Pimenta voltou a subir ao pódio para colocar ao peito a medalha de prata. O atleta da Seleção Nacional terminou com o registo de 1.38.56 minutos, desta feita atrás do rival húngaro Balint Kopasz (1.36.47 minutos). O pódio ficou completo com o 3.º lugar de Balazs Birkas (1.38.77 minutos), também atleta da Hungria.

 

Joana Vasconcelos conquistou, na Hungria, a medalha de bronze na prova de K1 200 metros. Antes de subir ao pódio, a canoísta portuguesa começou por terminar a meia-final em que participou na 2.ª posição, com o registo de 44.37 segundos, apenas atrás da italiana Francesca Genzo (44.30 segundos).

 

Na final, bastante disputada até aos centímetros finais, Joana Vasconcelos garantiu o 3.º lugar do pódio, com o tempo de 41.20 segundos. A prova de K1 200 metros foi ganha pela húngara Anna Lucz (40.99 segundos), enquanto a sueca Moa Wikberg ficou com a medalha de prata, depois de terminar com a marca de 41.03 segundos.

 

No segundo dia de competição da Taça do Mundo de Velocidade, Joana Vasconcelos também participou na meia-final da prova de K1 500 metros, que venceu com o registo de 1.51.29 minutos. No domingo (27 de setembro), a atleta da Seleção Nacional vai sair da pista seis para competir na final, que está marcada para as 09h42 (hora portuguesa).

 

Depois de ter conquistado na sexta-feira (25 de setembro) a medalha de prata na prova de VL2 200 metros, Norberto Mourão competiu, este sábado (26 de setembro), na prova-teste de VL2 500 metros. O paracanoísta luso terminou no 3.º lugar, com o registo de 2.39.88 minutos, atrás dos russos Igor Korobeynikov (2.34.83 minutos) e Roman Serebryakov (2.37.82 minutos).

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 19 de junho de 2021 – 21:31:17

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...