15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Fernando Pimenta, Joana Vasconcelos e Norberto Mourão na Taça do Mundo de Szeged

 

Trio representa Seleção Nacional na Taça do Mundo de Szeged

 

Fernando Pimenta, Joana Vasconcelos e Norberto Mourão competem, entre sexta-feira e domingo, na Hungria

 

Norberto Mourão, Fernando Pimenta e Joana Vasconcelos vão representar, entre 25 e 27 de setembro, de sexta-feira a domingo, a Seleção Nacional na Taça do Mundo de Szeged, na Hungria. Uma prova que marca o ambicionado regresso da competição internacional da canoagem de velocidade, depois de a pandemia de Covid-19 ter impedido que o presente ano se pautasse pela normalidade competitiva, tendo mesmo levado ao adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio de 2020 para 2021.

 

A prova na Hungria vai ser a maior competição internacional de canoagem de velocidade em 2020 e, apesar dos contratempos impostos pela Covid-19, vai contar com a participação de vários canoístas medalhados em Taças do Mundo, Europeus e Mundiais. Os organizadores da Taça do Mundo de Szeged estabeleceram um rigoroso plano de prevenção, de modo a garantir todas as precauções com a Covid-19.

 

Campeão do Mundo em K1 1.000 metros e em K1 5.000 metros no Mundial realizado em 2018, em Montemor-o-Velho, Fernando Pimenta regressa a Szeged, onde, no ano passado, no Campeonato do Mundo, conquistou a medalha de bronze nas provas de K1 1.000 metros e de K1 5.000 metros. O canoísta de Ponte de Lima está ansioso por voltar a competir com os melhores do Mundo e conseguir obter bons desempenhos a menos de um ano da realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

 

Na Hungria, Fernando Pimenta vai competir nas provas de K1 500 metros, de K1 1.000 metros e de K1 5.000 metros. As eliminatórias de K1 1.000 metros estão agendadas para a manhã de sexta-feira (25 de setembro), com as rondas de apuramento de K1 500 metros a estarem previstas para o início da tarde também de sexta-feira. A final de K1 5.000 está marcada para as 16h50 (menos uma hora em Portugal Continental) de domingo (27 de setembro).

 

Em 2014, Joana Vasconcelos foi muito feliz em Szeged, onde conquistou a medalha de bronze nos Mundiais de Sub-23 na prova de K1 200 metros. Um resultado de excelência a juntar a outros alcançados pela canoísta da Seleção Nacional, que, recorde-se, em 2019, no Campeonato do Mundo, realizado em Szeged, competiu na prova de K4 500 metros, em equipa com Teresa Portela, Francisca Laia e Francisca Carvalho.

 

Na Taça do Mundo de Szeged, em 2020, Joana Vasconcelos vai competir em K1 200 metros e em K1 500 metros. As eliminatórias da prova de K1 200 metros vão decorrer na manhã de sexta-feira (25 de setembro), enquanto as rondas de apuramento para as meias-finais da prova de K1 500 metros está marcada para a tarde de sexta-feira.

 

Na Paracanoagem, Norberto Mourão regressa a Szeged, local onde, em 2019, garantiu a vaga para Portugal para os Jogos Paralímpicos de Tóquio, depois de se ter sagrado vice-campeão mundial na prova de VL2 200 metros. O paracanoísta da Seleção Nacional entra em ação na sexta-feira (25 de setembro), com a participação na final marcada para as 11h52 (menos uma hora em Portugal Continental).

 

De referir que, além dos atletas Fernando Pimenta, Joana Vasconcelos e Norberto Mourão, a comitiva da Seleção Nacional, que viajou esta terça-feira para a Hungria, é também constituída pelos técnicos nacionais Hélio Lucas e Ivo Quendera.

Periodicidade Diária

segunda-feira, 21 de junho de 2021 – 00:03:34

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...