15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Primeiro dia do Campeonato Nacional de Fundo - Fernando Pimenta é campeão pela 12.ª vez consecutiva

 

 

Canoísta do Sport Lisboa e Benfica venceu K1 Sénior na competição realizada no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho

 

O olímpico Fernando Pimenta conquistou, hoje, em Montemor-o-Velho, o 12.º título consecutivo na prova de K1 Sénior no Campeonato Nacional de Fundo.

 

 

Na competição realizada no Centro de Alto Rendimento, o canoísta do Sport Lisboa e Benfica terminou com o tempo de 19.59.87 minutos, superando a oposição de José Ramalho (Clube Náutico de Prado), que se sagrou Vice-Campeão Nacional com o registo de 20.02.07 minutos.

 

 

Com um percurso de 5.000 metros e depois de uma prova bastante competitiva e discutida até aos metros finais, a 3.ª posição foi alcançada por Fábio Cameira (Alhandra Sporting Club), com a marca de 20.17.63 minutos. Fora do pódio terminou o olímpico Emanuel Silva (Sporting Clube de Portugal), que obteve o 4.º posto, com o tempo de 20.38.89 minutos.

 

No K1 Sénior Feminino, a olímpica Joana Vasconcelos revalidou o título nacional, depois de terminar os 5 quilómetros da prova com o registo de 22.36.66 minutos. A canoísta do Sport Lisboa e Benfica superou a concorrência com uma excelente ponta final, deixando Maria Rei (Associação Cultural e Recreativa Saavedra Guedes) no 2.º lugar, com a marca de 22.45.92 minutos. A 3.ª posição do pódio foi alcançada por Ana Rodrigues (Alhandra Sporting Club), com o registo de 23.21.21 minutos.

 

Nas canoas, Alberto Azevedo (Clube Náutico de Marecos) sagrou-se Campeão Nacional de Fundo de C1 Sénior, com Sérgio Maciel (Viana Garças Clube) a terminar no 2.º posto e Rui Lacerda (Clube Náutico de Ponte de Lima) a garantir o 3.º lugar. Em C1 Sénior Feminino, o título nacional foi conquistado por Beatriz Barros (Clube Náutico de Ponte de Lima), ficando Inês Penetra (Grupo Cultural, Desportivo e Recreativo de Gemeses) no 2.º lugar, enquanto Ana Afonso (Clube Náutico de Prado), campeã nacional em 2019, a subir ao 3.º posto do pódio.

 

Devido à pandemia de Covid-19, a Federação Portuguesa de Canoagem centralizou, em 2020, no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho, a maioria das provas do calendário competitivo, de forma a cumprir, de forma rigorosa, todas as normas impostas pela Direção-Geral da Saúde, uma vez que a infraestrutura permite que o acesso seja limitado aos agentes da modalidade, impedindo, desta forma, que o público possa aceder ao recinto.

 

Este domingo, o Campeonato Nacional de Fundo prossegue, a partir das 11h00, com a realização da prova de C1 Cadete Feminino, terminando, às 16h00, com a competição de K1 Cadete. De referir que, este sábado, além da Paracanoagem, também tiveram lugar as provas de C1 e de K1 referentes aos escalões de Veteranos, Seniores e Juniores. Para domingo, o Nacional de Fundo inclui a realização das provas de K1 e C1 de Cadetes, Infantis e Iniciados.

 

 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 23 de junho de 2021 – 18:40:49

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...