13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

8º Corta Mato do Linhó

8.º Corta mato do Linhó- Troféu de Atletismo de Cascais

  Uma organização exemplar
 
 
Realizou-se no domingo, dia 5, a 8.ª edição do Corta-Mato do Linhó, a quarta prova pontuável para o Troféu de Atletismo de Cascais e que reuniu nos terrenos anexos ao Estabelecimento Prisional do Linhó, três centenas e meia de competidores, somados todos os escalões admitidos pelo regulamento. O maior “défice” de participação registou-se nos escalões mais jovens, provavelmente pelo frio que se tem feito sentir, e pela sucessão de corta-matos escolares. Todavia, os habituais vencedores não faltaram e amealharam mais uns pontos à classificação geral, ganhando alguma folga para outras opções competitivas. Na categoria de Iniciados, André Oliveira (Ribeira da Lage) aproveitou para vencer, intrometendo-se nas vitórias do NúcleOeiras, Maria Medeiro (Iniciados), Ruben Veiga e Vanessa Agulha (Juvenis), e João Bértolo (Juniores)

Carla Santos (Ribeira da Lage) e Nuno Cardoso (NúcleOeiras) vencem nos seniores

  A corrida feminina na distância de 4.000 metros juntou ainda as categorias de Juniores, F40, F45 e F50. Carla Santos, do GRD Ribeira da Lage não teve concorrência e venceu folgadamente a prova feminina. Nas juniores Catarina Ferreira (Linda-a-Pastora) foi a excepção no lugar mais alto do pódio dos representantes do emblema da freguesia de Queijas e somou mais uma vitória ao seu palmarés.

  A corrida masculina, com seniores, M40, M45, M50 e M55, juntou quase duzentas unidades na prova, número exagerado para o traçado do circuito, em algumas zonas demasiado estreito. Com 6.000 metros a percorrer por 3 vezes, a vitória foi discutida palmo-a-palmo por Nuno Cardoso NúcleOeiras) e Telmo Silva (Atibá), a exemplo da prova anterior (NAZA). O atleta do clube laranja acabaria por levar a melhor e vencer a corrida. A fechar os lugares do pódio, ganhou vantagem, Cláudio Cardoso (Atibá), batendo um forte grupo de candidatos onde se incluíam, Marco Bernardo (Núcleo de Atletismo de Vila Real), João Caetano (NúcleOeiras), Fábio Oliveira (ODIMARQ) e Augusto Pires (Maduro Atletics).

  Organização exemplar a merecer nota alta
 
 Foi até agora a melhor montra de prémios apresentada em provas do Troféu de Cascais quer individual, quer colectivamente. A organização da responsabilidade do Centro Cultural e Desportivo dos Funcionários do Estabelecimento Prisional do Linhó foi exemplar e merece por isso nota elevada. De parabéns também a Divisão de Desporto da autarquia e os patrocinadores, entre eles a Junta de Freguesia de Alcabideche sempre disponível para apoiar o desporto.

  Uma nota final para classificação colectiva: mais uma vitória do NúcleOeiras/SportZone, a bater três clubes do concelho cascalenses, a Associação de Moradores de Atibá, Desportivo de Monte Real e N.A.Z.A., numa pontuação que envolveu quatro dezenas de clubes e/ou associações.
alt
Catarina Carreira vence nas Juniores
 
alt
Organização não poupou nos prémios 
 
alt
Quase duas centenas na corrida masculina 
 
alt
Telmo Silva e Nuno Cardoso na luta pela vitória  
 
 Ventura Saraiva
   

Periodicidade Diária

domingo, 26 de maio de 2019 – 18:59:56

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...