11 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Taça da Europa de Juniores – Coimbra 2017: Portugal conquista Ouro, Prata e Bronze

 

Portugal conquistou uma Medalha de Ouro, uma Medalha de Prata e uma Medalha de Bronze no primeiro dia da Taça da Europa de Juniores – Coimbra 2017. Além destes resultados de elevado nível, os Atletas portugueses conseguiram ainda alcançar mais três lugares de finalista (5º e 7º lugar).

 

O Pavilhão Municipal Multidesportos Dr. Mário Mexia recebe 398 Atletas (233 masculinos e 165 femininas) em representação de 22 países. Portugal, anfitrião da prova, participa com 95 Atletas (66 masculinos e 29 femininos).

 

David Reis (-66 kg) revelou uma grande consistência e uma maturidade competitiva invulgar na sua idade, somando 3 vitórias no seu caminho até semifinal. Nesta fase foi colocado à prova pelo Vice-Campeão do Mundo de Cadetes em 2015, Michael Marcelino. O Judoca do Sporting Clube de Portugal mostrou-se à altura do desafio, derrotando o brasileiro e qualificando-se para a final. No último e derradeiro combate, o jovem luso conseguiu pontuar dois Wazari frente ao holandês Twan Van der Werff, vencendo o combate, subindo ao lugar mais alto do pódio para receber a Medalha de Ouro e fazer ouvir o hino nacional no Pavilhão Municipal Multidesportos Dr. Mário Mexia.

 

Lucas Catarino(-55 kg) esteve imparável, somando duas vitórias no início da competição contra o espanhol Carlos Garcia Chamizo e contra o italiano Liborio Basirico, ambas por Ippon. Nos quartos de final defrontou o compatriota André Diogo, somando um Wazari antes de terminar o combate com um Ippon aos 2 minutos e 12 segundos. Na semifinal superiorizou-se ao espanhol David Hinojosa Larrosa, continuando na busca pelo Ouro. Na grande final da categoria -55 kg, o português ainda pontuou um wazari mas não foi suficiente para impedir o brasileiro Bruno Watanabe de vencer. Com este resultado Lucas Catarino subiu ao pódio para receber a Medalha de Prata.

 

Na categoria -60 kg, Francisco Mendes venceu 4 combates por Ippon, qualificando-se para a semifinal da prova. Nessa fase não conseguiu repetir o resultado dos confrontos anteriores. Na luta pelo Bronze teve pela frente o italiano Patrick Cala Lesina. O judoca luso conseguiu pontuar um wazari e gerir o combate até ao fim para vencer a Medalha de Bronze.

 

Nos -48 kg, Patrícia Matias não começou da melhor maneira ao ceder perante a russa Viktoriia Soldatenkova. Ainda assim, a judoca Lusa foi repescada e não se deixou afetar pelo primeiro resultado, eliminando a britânica Molly Harvey e a espanhola Mireia Lapuerta Comas, conquistando o seu lugar na luta pelo pódio. Após um combate renhido, a jovem portuguesa não conseguiu impedir a espanhola Elena Hidalgo Ledo de pontuar um Ippon. Patrícia Matias terminou no 5º lugar.

 

Beatriz Barata(-57 kg) conseguiu derrotar a espanhola Maria Ortiz Medina no arranque da prova. Na segunda ronda, a holandesa Shannon Van de Meeberg conseguiu superar a portuguesa. Nas repescagens, a jovem lusa somou 3 vitórias, conquistando o seu lugar na luta pelas medalhas. O último combate, frente a Ketelyn Nascimento, revelou-se bastante equilibrado, sendo apenas decidido em ponto de ouro a favor da atleta brasileira. A jovem lusa concluiu a sua prestação num honroso 5º lugar.

 

Destaque ainda para o 7º lugar alcançado pelo atleta João Almeida (-73 kg) e para a 9ª posição dos Judocas Diogo André (-55 kg), Miguel Alves (-73 kg), João Fernando (-73 kg), Carolina Silva (-52 kg) e Joana Carvalho (-57 kg).

 

A nível coletivo, a Seleção Brasileira apresentou-se num nível bastante elevado, levando para casa, no primeiro dia da prova, 6 medalhas de ouro, 3 medalhas de prata e 5 medalhas de bronze.

 

A Seleção Nacional classificou-se em 3º lugar no conjunto dos 22 países presentes.

 

Amanhã, domingo, último dia de competição, entram nos tatamis os restantes 30 Atletas Lusos, com os combates a terem início às 10h00.

 

Declarações:

 

Prof. Luís Monteiro – Diretor do Alto Rendimento e das Seleções Nacionais

Nesta Taça da Europa de Juniores 2017 os Atletas portugueses estiveram em grande evidência ao alcançar resultados de pódio e lugares de finalistas. Esta competição serviu para que muitos dos atletas da seleção de juniores pudessem ter uma experiência e competir ao mais alto nível numa competição deste nível internacional. Os resultados alcançados por alguns atletas permitiram a obtenção de mínimos para poderem vir a participar nos campeonatos da Europa e do Mundo podendo programar de uma forma mais adequada a sua preparação.

 

David Reis – Vencedor Medalha de Ouro

Este é o meu último ano de júnior e a minha segunda medalha no europeu. Teve um sabor especial, ganhar em casa é outra motivação, claro que estava muito concentrado, mas deu-me imenso gozo este combate que não foi fácil, mas foi muito bom. Agora ainda tenho este ano mais dois grandes desafios no fim do ano o europeu e o mundial

 

Lucas Catarino – Vencedor Medalha de Prata

Foi muito bom ganhar esta medalha aqui na minha terra. Foi um combate muito difícil, o meu adversário era muito forte nas pegas e mais experiência que eu nestas competições. Já marquei presença em 3 europeus em Portugal e 2 em Espanha. Tenho 16 anos e agora quero continuar na alta competição e trabalhar muito.

 

Francisco Mendes – Vencedor Medalha de Bronze

Foi a minha primeira prova depois de ter tido uma grave lesão no ombro, ter sido operado. No entanto agora já estou recuperado e esta foi a minha prova de fogo. Senti-me bem e agora é só continuar a trabalhar para fazer o circuito europeu e depois o mundial.

 

 


 

quarta-feira, 28 de junho de 2017 – 05:24:12

Pesquisar

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...