13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Volvo Ocean Race - Aguentar a linha

 

Uma batalha de bordos entre os líderes da terceira etapa da Volvo Ocean Race, desenrolou-se esta sexta-feira à medida que trocavam posições nas profundezas do Oceano Antártico.

 

A equipa franco-chinesa de Charles Caudrelier, Dongfeng Race Team, continua a liderar rumo a leste, e conseguiu ficar à frente de uma enorme depressão que está a empurrar toda a frota para a Austrália.
 
No entanto, eles foram constantemente atacados pelos vencedores da 2ª etapa, o MAPFRE, a apenas 18 milhas de distância.
 
Juntamente com o Vestas 11th Hour Racing e o Team Brunel, os líderes optaram por uma rota mais a sul, que os levou a apenas 120 milhas a norte das Ilhas Crozet, um remoto arquipélago sub-antártico que abriga uma estação de pesquisa francesa ocupada por 30 cientistas.
 
Ao permanecer no sul, as quatro equipas estão a beneficiar de navegar a uma distância mais curta de Melbourne, final da 3ª etapa, mas continuam a enfrentar condições climátéricas muito difíceis, próximas do olho da tempestade.
 
A rota mais direta para Melbourne, levaria-os a mergulhar bem abaixo “50 Furious”, mas a sua rota foi bloqueada pela Zona de Exclusão de Gelo Antártico, definida pelo controle da regata para manter a frota fora das águas com icebergs.
 
Em vez disso, para evitar entrar no AIEZ (Zona de Exclusão de Gelo Antártico) enquanto aproveitam os ventos mais fortes, os líderes foram obrigados a realizar várias mudanças de rumo enquanto ziguezagueiam ao norte da linha de exclusão- uma tarefa difícil com bom tempo, mas especialmente complexa quando se lida com os ventos muito fortes, e rajadas de até 60 nós, para além de enormes ondas.
 
O skipper da equipa Brunel, Bouwe Bekking, comentou uma dessas cambadelas numa mensagem enviada de bordo.
 
"Nós cambamos com 45 nós", escreveu ele. "Por sorte, fizemos uma grande surfadela e a vela grande passou bem. Nestas condições, estamos sempre preocupados com as réguas e a calha da vela grande. O rajada vento máxima foi de 62 nós, bom, nós tínhamos a genoa um pouco enrolada antes disso. Agora, estamos literalmente a passar a tempestade ".
 
Na quinta-feira, o Akzonobel pagou o preço por uma cambadela menos correta, quando a força da manobra partiu uma seção da calha do mastro, danificando a vela maior.
 
Forçada a usar apenas as velas de proa a equipa rumou a norte, para encontrar um clima mais quente que possa permitir reparar a calha com resina epóxi. Enquanto a equipa reagiu para reparar os estragos, eles foram relegados para o sétimo lugar.
 
"O barco em si está bom, estamos todos a trabalhar muito para tentar num dia e meio conseguir reparar as coisas", disse o skipper do Akzonobel, Simeon Tienpont. "Nós fomos para o norte e a temperatura aumentou 10 graus, o que nos permitiu fixar a calha ao mastro e começar a reparar a vela grande.
 
"Está longe de ser a situação ideal - dissemos antes do início da etapa que precisávamos de chegar a Melbourne com tudo inteiro. Estamos um pouco ansiosos, porque queremos chegar a tempo para a próxima etapa. Infelizmente, tivemos uma dificuldade, mas estamos a lidar com isto com um grande espirito guerreiro, e não há muito mais que se possa fazer "
 
Duzentos quilômetros atrás dos líderes o Team Sun Hung Kai / Scallywag e o Turn the Tide on Plastic estavam a retomar a sua batalha épica da 2ª etapa. Mas, o Scallywag ganhou cerca de 10 milhas à equipa Turn the Tide on Plastic, embora estes últimos fossem quase um nó mais rápido.
 
Leg 3 - Relatório de posição - sexta-feira, 15 de dezembro (dia 6) - 16:00 UTC
 
Donfeng Race Team - distância até ao final - 3.832.3 milhas náuticas
 
MAPFRE +23,44 milhas náuticas
 
Vestas 11th Hour Racing +82,0
 
team Brunel +168.35
 
Sun Hung Kai / Scallywag +180.33
 
Turn the Tide on Plastic +193.89
 
team AkzoNobel +266.16
 
 

Periodicidade Diária

quarta-feira, 24 de abril de 2019 – 16:42:43

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...