14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Campeonato da Europa de Triatlo sub 23 com dois top 10

 

Participação nacional  9º e 10º lugar no Campeonato da Europa de Triatlo sub 23 em Valência


No fim de semana de 14 e 15 de setembro realizou-se o Campeonato da Europa de Triatlo onde Portugal que contou com representação portuguesa no escalão Sub 23. Marcaram presença nesta competição Inês Oliveira, Madalena Almeida, Miguel Tiago Silva, Ricardo Batista, Tiago Fonseca e Vasco Vilaça.

 

A par desta prova realizou-se o Campeonato da Europa de Paratriatlo que contou com a participação de Filipe Marques.

 

A prova feminina do Campeonato da Europa de Valência

 

Madalena Almeida alcançou o 10º lugar com o tempo de 00:58:55, numa prova muito competitiva, a 1’8’’ da primeira classificada, a alemã Lisa Tertsch. Madalena fez um segmento de natação consistente, saindo nos lugares medianos, e depois de uma boa transição iniciou forte no ciclismo fazendo o melhor tempo parcial da prova, colando no segundo grupo onde se manteve até ao final, com uma distância inferior a 30’’ do grupo da frente. Entrou na transição em 14º lugar, e com a realização de um último bom segmento, conseguiu alcançar o top 10.

 

De salientar que Madalena Almeida adquiriu nesta época maior consistência de resultados a nível internacional, com classificações de destaque como aconteceu na Taça da Europa de Quarteira, Taça da Europa de Sines, Taça do Mundo de Holten e no Campeonato Europeu de Valência.

 

Inês Oliveira, que saiu da água muito próximo da sua compatriota, ficou condicionada por um uma transição difícil que não lhe permitiu seguir no segundo grupo de ciclismo, ficando a uma certa distância que mesmo a corrida competente não conseguiu recuperar. A atleta ficou na 37º posição com o tempo de 01:03:39.

 

Os resultados da competição masculina

 

Na prova masculina, Ricardo Batista realizou uma prova muito boa e consistente nos três segmentos, nadou e pedalou na frente, e conseguiu disputar o top 10 com os triatletas do escalão acima do seu. Batista luta pelos lugares cimeiros em todas as provas em que participa, confirmando aqui mais um excelente resultado, um 9º lugar com o tempo de 00:51:50.

 

Após um excelente resultado na Taça do Mundo em Banyoles, prova com o nível de uma WTS, Vasco Vilaça, que vem de uma sequência de três provas seguidas entre elas uma quarta posição na Finalíssima do Mundial. Neste Campeonato Europeu o atleta acusou fadiga , não conseguindo alcançar o resultado expectável. Nas provas do seu escalão, Vilaça é um atleta que luta sempre pelo pódio, e nesta prova o triatleta tentou ainda fazer a diferença no ciclismo, entrando na segunda transição na primeira posição, com o grupo perseguidor a 6’’, mas demorou a ganhar ritmo no segmento de corrida, terminando a prova na 15ª posição com 00:52:17.

 

Miguel Tiago Silva acabou por ser a revelação masculina, com um 19º lugar com o tempo de 00:52:41. O atleta liderou o segmento de natação, fez um bom segmento de ciclismo, e foi, como habitualmente, competente na corrida. Miguel sentia-se confiante depois de um problema ultrapassado, acabando por ser ele a alinhar na estafeta mista.

 

Tiago Fonseca vinha de um período conturbado com uma lesão no pé e uma gastroenterite que tornaram o seu treino muito condicionado no último mês. Apesar de os indicadores não serem os melhores, alinhou para tentar disputar a prova. O atleta fez uma boa primeira transição, ficou colocado no segundo grupo de ciclismo que, no final da primeira volta, tentou sem sucesso alcançar o primeiro, já que na frente seguiam atletas muito fortes. As limitações de Fonseca fizeram-se sentir também na corrida, que costuma ser o seu melhor segmento, pelo que o atleta vai tentar melhorar para a Taça da Europa do Funchal, onde espera melhores resultados.

 

Filipe Marques no Paratriatlo

 

O Campeonato da Europa de Paratriatlo era composto por uma start list muito forte, com um nível de atletas superior ao que o nosso atleta Filipe Marques está habituado a competir, muitos deles já em fase final de preparação para os Jogos Paralímpicos. Nesta competição, Filipe Marques não conseguiu fazer a diferença tal como é habitual, nomeadamente na natação, onde costuma posicionar-se na frente. Perdeu algum tempo na primeira transição, seguiu no segundo grupo de um ciclismo sem roda e com muito vento, perdendo algum tempo neste segmento. Agora é olhar para o futuro, continuando e afinando a preparação, e aguardar pela Taça do Mundo de Paratriatlo do Funchal que se realiza em outubro.

 

O team Portugal no Campeonato Europeu

 

Na prova de estafetas mistas, Portugal foi representado por Madalena Almeida, Ricardo Batista, Inês Oliveira e Miguel Tiago Silva. A equipa alcançou a 10ª posição com um tempo total de 01:21:37.

 

Com a participação de equipas muito fortes, os atletas a portaram-se à altura, com boas prestações nomeadamente da Madalena Almeida e do Ricardo Batista. Inês Oliveira acusou o cansaço resultante da prova do dia anterior, não conseguindo manter-se no grupo pelo que sofreu desgaste de um ciclismo sozinha; Miguel Tiago Silva, o último elemento a entrar em prova, também acabou por não ter companhia durante a sua participação, conseguindo manter a 10ª posição.

 

Como balanço podemos salientar alguns bons resultados, com uma época que já vai longa, onde por vezes o empenho não consegue superar a o cansaço acumulado.

 

 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 18 de outubro de 2019 – 03:32:02

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...