13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Últimos convites para o Lisboa Belém Open contemplam Carballes Baena e Luís Faria

 

O sorteio do 3.º Lisboa Belém Open realiza-se amanhã, domingo, dia 12 de maio, ao meio-dia, no Club Internacional de Foot-Ball (CIF) no Restelo, e o quadro principal terá a presença inédita de três jogadores classificados entre os 100 primeiros do ranking mundial.

 

Na passada quarta-feira, quando foi apresentada a edição de 2019 do mais importante torneio de ténis do concelho de Lisboa, soube-se que, à semelhança de 2017, haveria dois jogadores do top-100 do ranking do ATP Tour: o francês Adrian Mannarino (56.º) e o argentino Guido Andreozzi (92.º).

 

Entretanto, o diretor de torneio e promotor do evento do ATP Challenger Tour de 46.600 euros em prémios monetários, Manuel de Sousa, divulgou hoje (sábado) os dois últimos convites que ainda tinha por atribuir e um deles foi entregue ao espanhol Roberto Carballes Baena (91.º) que, assim, passará a ser o segundo cabeça de série.

 

Devido às desistências e entradas de última hora que são sempre habituais antes do início de qualquer Challenger, só amanhã saberemos de certeza a lista de 16 cabeças de série do torneio, mas é seguro que Pedro Sousa (105.º ATP) e João Domingues (185.º) irão manter-se nesse lote e ficarão isentos da primeira ronda.

 

O outro “wild card”, não para o quadro principal, mas para o qualifying, foi oferecido pela Federação Portuguesa de Ténis (FPT) a Luís Faria, um jovem de ainda 19 anos, jogador do Centro de Alto Rendimento – Jogos Santa Casa do Jamor.

 

“Recebi vários pedidos de wild card por parte de jogadores classificados entre os cem primeiros do ranking mundial. O Carballes Baena foi um deles e está em forma. Vem de chegar aos quartos de final no ATP 500 de Barcelona e já ganhou um torneio do ATP Tour. É um jogador que vem claramente valorizar o quadro do Lisboa Belém Open”, considerou Manuel de Sousa, o diretor de torneio.

 

“A minha principal preocupação na atribuição dos convites é sempre ajudar os portugueses e acho que conseguimos uma vez mais isso este ano, com os que demos ao Gastão Elias, Frederico Silva e Tiago Cação para o quadro principal e agora este para o Luís Faria, convites sempre dados de acordo com a parceria muito positiva que temos com a FPT”, acrescentou o presidente da MP Ténis, a entidade organizadora do torneio, juntamente com a UNISPORTS.

 

Rui Machado, o coordenador técnico nacional da FPT, tem desempenhado um papel fundamental na decisão dos jogadores portugueses a merecerem convites e explicou que “o Luis Faria é um jovem com potencial, que tem vindo a melhorar de nível e os seus resultados em 2019 comprovam isso”.

 

Luís Faria está classificado no 719.º posto do ranking da Federação Internacional de Ténis (ITF) mas não possui classificação no ranking do ATP Tour.

 

Este ano chegou aos quartos de final do Future de Loulé, a terceira vez que atingiu essa fase de um torneio do ITF World Tour. Para Luís Faria o primeiro objetivo será vencer uma ronda na qualificação e passar ao quadro principal.

 

 

Pelo contrário, Roberto Carballes Baena vem com o estatuto de candidato ao título. Campeão do Open do Equador, um torneio do ATP Tour, em Quito, em 2018, ascendeu na altura ao 72.º posto mundial. Com 1,70 metros compensa a falta de estatura com muita garra e já conquistou 6 títulos da categoria Challenger e 9 de Futures.

 

O antigo campeão europeu de sub-18 e n.º8 mundial nesse escalão etário brilhou pela primeira vez em 2014 quando chegou às meias-finais em Casablanca, vindo da fase de qualificação (bateu João Sousa nos oitavos de final) e no ano passado foi quartofinalista no Millennium Estoril Open, só perdendo num tie-break de terceiro set para o campeão deste ano, o grego Stefanos Tsitsipas.

 

Roberto Carballes Baena está a jogar bem este ano, sempre na sua terra batida de eleição. Já derrotou cinco vitórias sobre adversários do top-100 mundial, foi quartofinalista nos torneios do ATP Tour de Buenos Aires e de Barcelona (como lucky loser) e ainda ganhou o Challenger de Múrcia.

 

O Lisboa Belém Open, apoiado pela Câmara Municipal de Lisboa, Junta de Freguesia de Belém e Instituto Português do Desporto e Juventude disputa-se de segunda-feira, dia 13, a Domingo, dia 19, no CIF, havendo mais de 20 jogadores que já conquistaram títulos de Challengers nas suas carreiras. A entrada é livre.

 

 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 24 de maio de 2019 – 19:02:43

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...