18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Final inglório de um GP Portugal com potencial para Miguel Oliveira

Miguel Oliveira, piloto da Cryptodata RNF MotoGP Team, começou bem preparado e altamente motivado para a primeira corrida de domingo da temporada de 2023, no Autódromo Internacional do Algarve, antecipando um fecho promissor nesta primeira ronda. No entanto, o resultado final revelou-se mais desafiador, já que o piloto da Charneca de Caparica se viu impedido de terminar a corrida.
 
O herói nacional demonstrou um excelente ritmo e confiança após uma impressionante Corrida Sprint no sábado. Partindo da quarta posição da grelha de partida, todos os olhos estavam no piloto português quando, depois de um arranque fantástico, assumiu a liderança na primeira volta, sendo inclusivamente aplaudido em todas as bancadas. Embora Francesco Bagnaia o ultrapassasse na segunda volta, deixando-o em segundo lugar, Oliveira assumiu uma velocidade incrível para o perseguir e certamente lutaria por um lugar no pódio ao longo das 25 voltas previstas para o decorrer da prova.
 
No entanto, foi atingido por Marc Marquez na terceira volta, o que o fez sofrer uma queda grave. Miguel Oliveira foi imediatamente transferido para o centro médico, onde um raio-X felizmente revelou não existir qualquer fratura. O piloto português passará por alguns exames e tratamentos adicionais na próxima semana para garantir que poderá competir em condições na segunda ronda do Campeonato, que acontece já na próxima semana em Termas de Rio Hondo, na Argentina.
 
"Foi uma pena obviamente não conseguir terminar o meu Grande Prémio em casa; ter rodado apenas duas voltas não era algo que eu esperava. No entanto, podemos orgulhar-nos do progresso que fizemos ao longo deste fim de semana. Tivemos um dia difícil na sexta-feira e, depois, para fazer o Qualifying como fizemos ontem e quase ter o pódio nas mãos na Corrida Sprint foi incrível. Tivemos um bom começo hoje, a liderar e depois a ficar em segundo lugar, e penso que havia uma clara oportunidade para marcarmos um lugar no pódio. Estou magoado no lado direito da minha anca, por causa do acidente, mas espero poder fazer tudo o que posso para estar completamente apto para a Argentina no próximo fim de semana", comentou Miguel Oliveira.
 
"Não foi um bom resultado na primeira corrida, por razões óbvias. Vou pressionar por penalizações mais duras para pilotos que colocam outros em perigo de forma imprudente. Os pilotos de MotoGP precisam de servir de exemplo para os mais jovens das categorias Moto2 e Moto3 e corridas imprudentes como esta precisam de ser severamente punidas, para que os pilotos estejam cientes do que não fazer. Afinal, são 25 voltas e não uma corrida sprint, e isto aconteceu com o Miguel na terceira volta. Felizmente, o Miguel está bem, sem ossos partidos, e desejamos-lhe uma boa recuperação nos próximos dias antes de voar para a Argentina”, afirmou Razlan Razali, Fundador e Diretor da CryptoDATA RNF MotoGP Team.
 
"Depois de terminar a primeira etapa, estou feliz em ver a velocidade que temos, especialmente com o Miguel, que tem um ritmo fantástico. Terminámos em sétimo na Corrida Sprint ontem e ficámos muito orgulhosos em lutar pelo pódio. Não estou satisfeito com os resultados da nossa dupla de pilotos na corrida principal de domingo. Ser retirado por Marc (Marquez) foi uma grande pena para o Miguel, especialmente na sua corrida em casa. (…) A situação em geral é bastante difícil. Já estamos a ‘perder’ três ou quatro pilotos do campeonato após esta primeira ronda, estou um pouco preocupado que algo esteja a seguir um caminho errado. Definitivamente precisamos de analisar isto", refere Wilco Zeelenberg, Diretor Técnico da CryptoDATA RNF MotoGP Team.
 

Periodicidade Diária

sexta-feira, 19 de julho de 2024 – 08:16:00

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...