Fausto Mota cada vez mais perto do Top 30

 

 

Piloto da XRAIDS Team sobe na classe maratona e à geral 

 

A 10ª etapa que hoje se disputou no Rali Dakar, primeira parte de nova etapa maratona, conduziu Fausto Mota até ao 31ª posto da classificação geral absoluta e ao sétimo lugar da classe maratona. Um resultado que deixa o piloto a apenas uma posição de entrar no TOP 30 do Rali Dakar que termina dentro de dois dias.

 

 

Aos comandos de uma Husqvarna FR 450 Rally, o piloto apoiado pela Tamega e Lyrsa gastou 2h53m54s a concluir o setor seletivo da etapa de hoje que ligou Haradh a Shubaytah. Foram 375 km, ao invés dos 574 km previstos já que a organização optou, por razões de segurança, por encurtar a especial que levou a caravana do Dakar até ao Empty Quarter, um dos maiores desertos do mundo. “A etapa hoje estava muito perigosa com dunas cortadas em muitos sítios. Havia também ventos fortes, mas correu tudo bem. O rali está quase no final. Só faltam mesmo dois dias. Vamos ver como corre”, revela o piloto à chegada ao bivouac, onde apenas a assistência entre os participantes é permitida.

 

Amanhã, disputa-se a 11ª e penúltima etapa do Rali Dakar 2020. A comitiva terá pela frente um total de 744 km 379 dos quais cronometrados, que vão ligar Shubaytah a Haradh. O dia começa com um espetáculo que se estende ao longo de 80 quilómetros pelas mais belas dunas do país para de seguida conduzir a comitiva pelos passos dos pioneiros que exploraram a região em busca de petróleo.

 

 

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...