13 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Portugal termina Europeu de Hóquei de Sub-21 Masculinos em 5º lugar

 
A Selecção Nacional Sub‐21 Masculina de Hóquei de Sala terminou em 5º lugar o Europeu disputado em Lignano, Itália, numa prova ganha precisamente pela equipa da casa.
 
Os Linces tinham como objectivo a subida, mas por diversas circunstâncias tal não foi possível.
 
Todavia, a nossa Selecção bateu-se bravamente, tendo conseguido, num total de cinco jogos, duas vitórias, dois empates, e consentiu apenas uma derrota.
 
Os Linces começaram a competição na sexta‐feira, dia 14 de Janeiro, enfrentando a Ucrânia.
 
Portugal realizou um excelente jogo, mas a verdade é que o empate apenas foi conseguido após o término do encontro através de um curto apontado por André Vivas.
 
Nesse mesmo dia os Linces voltariam a jogar, desta vez com a Croácia, conseguindo a primeira vitória na prova.
 
Com tudo em aberto para a passagem à pool de subida, Portugal encarava o jogo com a Itália, no sábado, com um espírito e motivação fortes, contudo insuficientes para um jogo que acabou por ser decidido em pormenores e onde os Linces caíram para a pool D, a pool que menos queriam.
 
Nesta pool, Portugal conseguiu uma vitória e um empate, o que lhe permitiu terminar a prova em 5º lugar.
 
Referir que as equipas que sobem à Divisão A são precisamente as duas equipas que do grupo de Portugal passaram à pool de subida, ou seja, não apenas a Itália (Campeã Europeia), mas também a Ucrânia.
 
No sentido inverso, descem da Divisão A, ganha pela Suíça, a Bielorrússia e a Escócia.
 
Destaque também para o Linces David Franco, distinguido como o melhor jogador da prova. Trata-se já da segunda vez que tal acontece, depois do lisboeta também ter sido distinguido com igual prémio no EuroHockey Youth Nations Challenge I (Men), realizado em 2009 em Praga, República Checa.
 
Contudo, não foram só os doze Linces que estiveram em campo que fizeram um trabalho elogiado pelas restantes delegações presentes no Europeu.
 
Também Bruno Santos, árbitro que representou o país na prova, rubricou actuações de altíssimo nível tendo apitado um total de quatro jogos, um deles o Dinamarca/Itália que decidiu a subida de Divisão. 
 

Periodicidade Diária

terça-feira, 21 de maio de 2019 – 07:37:49

Pesquisar

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

Reportagens fotográficas em preparação

- Lisboa Belém Open

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...