14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

II Fórum Nacional para a Diversidade

 

Edição de 2018 dedicada a Comunicar para Mobilizar

 

O II Fórum Nacional para a Diversidade, uma iniciativa da Carta Portuguesa para a Diversidade que visa promover a inclusão dentro das organizações, acontece dia 21 e 22 de novembro, em Póvoa de Lanhoso, e conta com a participação de representantes das cartas europeias. 

A região norte do país acolhe a segunda edição do Fórum Nacional para a Diversidade que, durante dois dias, partilhará as boas práticas das 225 organizações signatárias em Portugal bem como a experiência das cartas europeias congéneres, confirmadas pelos representantes da Estónia, Luxemburgo e Polónia. 

A sessão de abertura será feita pelo Presidente de Câmara de Póvoa de Lanhoso, Avelino Silva, pelo Presidente da Esposende Ambiente, Paulo Marques, e aguardamos confirmação do Presidente do Conselho de Administração da LIPOR, Aires Pereira. 

No dia 21 haverá lugar a uma cerimónia de assinatura da Carta por parte de novas entidades e conta com a presença de Liliane Rocha da Gestão Kairos, uma empresa brasileira dedicada aos temas da Diversidade e Inclusão. O dia 22 prevê um painel dedicado a empresas, oriundas de Portugal, Polónia e Estónia, um painel dedicado ao setor público com participação do CIG (Comissão para a cidadania e Igualdade), ACM (Alto Comissariado para as Migrações), Camaras de Comércio e Municipais dos países envolvidos, e ainda um painel dedicado ao papel do terceiro setor, com participação de instituições de Portugal, Estónia e Luxemburgo. 

 

Para Carla Calado, elemento da Comissão Executiva da Carta Portuguesa para a Diversidade “Esta segunda edição visa dar continuidade à promoção do tema da Diversidade e Inclusão no nosso país e o Núcleo Norte tem feito um trabalho exemplar na angariação de mais entidades signatárias da carta portuguesa para a diversidade, sendo esta edição organizada nesta região, merecidamente”. 

 

 

Sobre a Carta Portuguesa para a Diversidade: 
 
A Carta para a Diversidade, iniciativa da União Europeia, é um dos instrumentos voluntários criados com o objetivo de encorajar os empregadores a implementar e desenvolver políticas e práticas internas de promoção da diversidade. 

A Carta descreve medidas concretas que podem ser tomadas para promover a diversidade e a igualdade de oportunidades no trabalho independentemente da origem cultural, étnica e social, orientação sexual, género, idade, caraterísticas físicas, estilo pessoal e religião. 

A Carta Portuguesa para a Diversidade surge em linha com os esforços encetados pela Comissão Europeia e com as prioridades da Estratégia Europa 2020. A discriminação tem sido uma matéria à qual a União Europeia tem dedicado especial atenção, nomeadamente na aplicação do princípio da igualdade de tratamento entre as pessoas, sem distinção de género (Diretiva 2006/54/CE, de 5 de julho de 2006), origem racial ou étnica (Diretiva 2000/43/EC, de 29 de junho de 2000), ou no estabelecimento de um quadro geral de tratamento no emprego e na atividade profissional (Diretiva 2000-78-CE, de 27 de novembro de 2000). 

A Carta Portuguesa para a Diversidade conta atualmente  com 225 organizações signatárias. A Comissão Executiva tem sido assumida composta pelo Alto Comissariado para as Migrações, Comissão para a Igualdade no Trabalho e no Emprego, Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género e Fundação Aga Khan. 

 

Periodicidade Diária

quinta-feira, 22 de agosto de 2019 – 08:51:30

Pesquisar

 

20 de agosto

2005 - 2019, são 14 anos


- quase 3 milhões de fotos

de cerca de 60 desportos diferentes

 

- aproximadamente 46.000 notícias

de cerca de 225 desportos diferentes

 

- e muito mais
 

tudo

Ao Serviço do Desporto em Portugal

Obrigado aos nossos leitores!

 

 

Vamos ajudar a Oksana

Maryna Sribnyak
IBAN: PT50 0035 0614 0000 9327 930 65
SWIFT: CGDIPTPL
clicar na imagem para saber mais

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...