12 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Campeonato Nacional de Enduro - José Borges festeja título de Enduro em Murça

 

 

Terceiro título nacional consecutivo na Elite para José Borges (Enduro BTT Braga). Campeonato Nacional de Enduro atribuiu títulos a oito categorias

 

José Borges voltou a revelar a invencibilidade que o acompanhou em Miranda do Corvo e em Manteigas e, em Murça, sagrou-se tricampeão nacional de Enduro na categoria de Elites. Dominador nas cinco provas especiais cronometradas, Borges avantajou-se na classificação final em 30 segundos ao madeirense Emanuel Pombo (Ciclo Madeira Clube Desportivo), vice-campeão nacional. José Oliveira, igualmente, do Enduro BTT Braga, foi terceiro classificado, gastando mais um 1m14s do que os rivais para cumprir as 'PEC's".

 

A disputa do campeonato nacional de Enduro, num percurso de 35 km, com provas especiais cronometradas entre os 1400 metros e os 3500 metros foi assinalada pelo intenso calor que se fez sentir naquela região transmontana e que foi desgastando os atletas repartidos entre as oito categorias de competição federativa e a categoria de promoção.  A dada altura, toda a caravana da prova esteve retida devido a um incêndio de grandes proporções que lavrava na região.

 

 

Para José Borges, a conquista do terceiro título nacional consecutivo na Elite reflete a competitividade da sua época desportiva, na qual se destaca a conquista das duas primeiras provas da Taça de Portugal de Enduro 2017.

 

Na categoria femininas maiores de 17 anos, Ana Costa (Casa do Povo de Abrunheira) revelou-se e levou a melhor sobre a rival Ana Leite (Enduro BTT Braga), atual líder da Taça de Portugal da categoria, para se sagrar campeã nacional. O terceiro posto foi para Leandra Gomes (Batotas/Ponte de Lima).

 

O escalão júnior foi dominado por Tiago Ladeira (Casa do Povo da Abrunheira) que foi acumulando vantagem sobre o atual líder da Taça de Portugal, Nuno Silvestre (BTT Team SU Colarense), até finalmente sagrar-se campeão nacional, finda a combinatória das PEC's, com 1m03s de vantagem. A luta pelo segundo lugar foi bem mais renhida e Tomás Barreiros (ADAR/Ofimoto) quedou-se a dois segundos do segundo lugar.

 

Gonçalo Bandeira (Montanha Clube/Louzan Park) foi o mais lesto nos cadetes. Findas as três provas especiais cronometradas, o jovem ciclista de 16 anos antecipou-se em 58 segundos a Rui Tapada (CAJ Raposa) e em 1m03s a Leonardo Lambaz (Município de Porto Moniz), terceiro classificado. Nesta competição assinalou-se a desistência do líder da Taça de Portugal Bernardo Tavares (Maiatos/Reabnorte).

 

Nos cadetes femininos, Rafael Ramalho (Maiatos/Reabnorte) totalizou 18m17s para festejar o título nacional, menos 2m25s do que a segunda classificada, Beatriz Martins, da mesma equipa. Jéssica Lima (BTT Matosinhos) foi a terceira melhor em prova.

 

Na competitiva categoria de Master 30, Lino Correia "vingou-se" do segundo lugar conquistado há um ano em Manteigas e, em Murça, sagrou-se campeão nacional. O betetista do Vasconha BTT Vouzela confirmou a excelente época desportiva - é líder da Taça de Portugal da Categoria, com duas vitórias em três provas disputadas - para triunfar diante Hélder Padilha (Montanha Clube/LouzanPark), segundo classificado, com mais 30 segundos cumpridos. Rui Couto (Vasconha BTT Vouzela) foi terceiro, a 38 segundos do melhor registo.

 

Nos Masters 40, Vasco Correia (Penacova DH/UD Lorvanense) sagrou-se campeão nacional, por uma das margens mais escassas das competições em Murça: apenas seis segundos o separaram de Jorge Rodrigues. David Guerra (Rodinhas/Santos Silva) fechou o pódio do escalão.

 

Tal como nas restantes categorias de Masters, nas quais os líderes da Taça de Portugal de Enduro 2017 confirmaram as respetivas supremacias com a conquista do título nacional, também José Salgueiro (MCF/Xdream/Município de S.Brás) conseguiu a acumular a liderança do troféu da UVP-FPC com a camisola de campeão nacional. Paulo Sousa (Ciclo Madeira Clube Desportivo) foi segundo classificado, a 1m35s. Manuel Ribeiro (Enduro BTT Braga) repetiu o alinhamento vigente da Taça de Portugal e quedou-se na terceira posição.

 

A categoria Promoção, apesar de aberta a atletas estrangeiros, foi conquistada por Bruno Diogo (Team Scott Portugal).

 

Por último, na classificação por equipas, a Casa do Povo de Abrunheira sagrou-se vencedora, diante do Enduro BTT Braga e dos Maiatos/Reabnorte.

 

 


 

terça-feira, 19 de setembro de 2017 – 22:44:24

Pesquisar

Reportagens fotográficas em preparação

- Prosecco DOC Portuguese Round

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...