Antoine Launay fica à beira da final

 

Canoísta português termina a Taça do Mundo I de Slalom, em Londres, na 12.ª posição

 

Antoine Launay terminou a Taça do Mundo I de Slalom na 12.ª posição da prova de K1 Sénior, com o tempo de 93.76 segundos. O atleta da Seleção Nacional, que integra o Projeto Olímpico Tóquio 2020, ficou a apenas 0.26 segundos do apuramento para a final, onde só entraram os 10 primeiros da semifinal.

 

O grupo de finalistas da competição disputada em Londres, na pista de Lee Valley White Water Centre, foi constituído por competidores da Grã-Bretanha (dois), Eslováquia (dois), República Checa, Polónia, Austrália, Nova Zelândia, Espanha e Alemanha.

 

Joseph Clarke (Grã-Bretanha) foi o grande vencedor da Taça do Mundo I de Slalom, com o tempo de 90.35 segundos. Ao pódio subiram, também, o checo Jiri Prskavec (91.21 segundos) e o alemão Hannes Aigner (92.04 segundos). De referir que os três medalhados realizaram todo o percurso sem qualquer penalização.

 

Fiquei perto do top 10, mas não consegui”, sublinhou Antoine Launay, com o atleta português a assumir que a concorrência era forte. “É difícil”, assumiu, antes de revelar que gosta “muito” da pista de de Lee Valley White Water Centre e agradecer a toda a equipa que o apoia.

 

A Seleção Nacional de Slalom continua a preparar o momento mais importante da época, que passa pelo Campeonato do Mundo de Slalom, que, este ano, decorrerá na pista de La Seu d'Urgell, em Espanha, de 24 a 29 de setembro. Esta competição vai ditar o apuramento para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.

 

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...