Boas Festas

12 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Notícias

Alejandro Martins triunfa na Sertã e reentra na luta pelo título

 

Ricardo Porém desistiu e João Ramos atrasou-se no início do segundo dia terminando na sétima posição

 

Depois de nas duas passagens pelo prólogo da Baja TT do Pinhal, realizadas na sexta-feira, Ricardo Porém e João Ramos terem travado uma luta intensa pela liderança da classificação geral na terceira prova do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, tudo fazia prever que neste sábado a luta pela vitória final se resumiria a uma batalha entre os pilotos do Ford Range e da Toyota Hilux.

 

No entanto, foi logo no início do segundo dia que as expectativas criadas no dia anterior foram por ‘água abaixo’. João Ramos até entrou melhor e na passagem pelo primeiro ponto de controlo do SS1 já tinha recuperado o tempo perdido no dia anterior e ultrapassado Ricardo Porém na geral virtual. Contudo, perto dos 75km da terceira especial da prova que se realizou na zona da Sertã, Oleiros e Proença-a-Nova, João Ramos teve uma saída de pista que levou a que o piloto da Toyota perdesse 49 minutos para Alejandro Martins, que acabaria por vencer o SS1, beneficiando da desistência de Ricardo Porém.

 

Depois do incidente de João Ramos, Porém tinha nas mãos uma grande oportunidade para sair da Baja TT do Pinhal com a liderança do campeonato reforçada. Contudo, pouco quilómetros depois dos problemas na viatura de um dos seus mais diretos adversários, o piloto de Leiria teve, também ele, problemas (transmissão traseira esquerda) no seu Ford Ranger que o obrigaram a desistir do evento organizado pela Escurderia de Castelo Branco. Alejandro Martins, que seguia tranquilo na terceira posição, foi forçado a remover Ricardo Porém da pista, razão pela qual acabou por perder algum tempo para os seus perseguidores, deixando inclusive de liderar o evento, ainda que de forma virtual (a organização viria a repor os 4 minutos e 50 segundos perdidos na desistência do líder do Campeonato Nacional). Ainda assim, o piloto da Toyota Hilux conseguiria em pista, e até ao final do SS1 voltar à liderança da Classificação Geral quando só faltavam cumprir os 136.91km do SS2.

 

 

No último sector seletivo da Baja TT do Pinhal, Alejando Martins não teve quaisquer problemas para manter a liderança e levar até ao final a sua Toyota, confirmando assim a sua primeira vitória no Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno. Fizemos uma excelente prova e penso que a vitória é merecida. Este segundo dia foi muito complicado devido ao calor mas acabámos por conseguir chegar ao final da manhã com uma margem confortável que nos permitiu gerir o tempo no último sector seletivo. Esta primeira vitória é muito positiva porque nos deixa numa boa posição para continuar a lutar pelo título. Em Idanha-a-Nova acredito que posso chegar à vitória, mas um pódio já seria um resultado muito positivo”, disse o vencedor.

 

Apesar da incrível história que levou Alejandro Martins à vitória, destaque ainda, para a consistência demonstrada por Nuno Madeira (Kia Sportage TT) que o levou ao segundo lugar da Geral, ainda que longe de Martins. Henrique Silva (Mini Cattiva), Alexandro Franco (BMW Evo X1) e Pedro Dias da Silva (Mazda Proto) completaram o Top5. João Ramos, travou uma batalha contra o tempo e contra as adversidades com o objetivo de conseguir somar o máximo de pontos, logrando apenas o 7.º lugar à Geral, recuperando seis posições nos últimos 136.91km do evento, o que lhe garantiu 9 preciosos pontos na luta pelo título.

 

 

Na categoria T2, Rui Sousa (Isuzu D-Max) levou a melhor, mesmo que César Sequeira tenha liderado a categoria até desistir devido a problemas mecânicos. Em T8, Nuno Tordo comandou a classificação do início ao fim, terminando com uma vantagem de mais de cinco minutos sobre Hugo Raposo (Nissam Pathfinder).

 

 

No Desafio Mazda, Pedro Dias da Silva levou a melhor entre os inscritos nesta competição monomarca onde só participam viaturas Mazda Proto. Na prova a contar para Taça Nacional, Mário Mendes levou a melhor ao volante de um Suzuki Jimny.

 

Depois da duríssima prova agora terminada, que contou com temperaturas extremamente altas, seguidas de aguaceiros, o Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno continua a 8 e 9 de Setembro, com a realização da Baja TT Idanha-a-Nova, prova também organizada pela Escuderia de Castelo Branco.

 


Top-3 absoluto

1º           A. Martins/J. Marques                    Toyota Hilux                                      5h34m49,00s

2º           N. Madeira/M. Costa                    Kia SportageTT                                   a 8,25m

3º           H. Silva/R. Franco                            Mini Cattiva                                       a 12,56m

 

 


 

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017 – 13:36:11

Pesquisar

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...