15 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

CAampeonatos de Portugal com 110 anos

 

Campeonatos de Portugal de 2020 em cinco pistas

 

Os Campeonatos de Portugal são, talvez, a competição mais antiga realizada em Portugal.

 

Numa primeira fase, de 1910 a 1913, realizavam-se como Jogos Olímpicos Nacionais, depois, em 1914 e 1915, como Jogos Desportivos Nacionais. A segunda fase inicia-se em 1922, após a existência formal da Federação Portuguesa de Atletismo, que colocou um fim à inexistência de uma estrutura que enquadrasse as poucas iniciativas desportivas que ocorreram entre 1916 e 1921.

 

Imagens dos Jogos Olímpicos Nacionais de 1910 (retirado de "Sports Illustrados")

 

 

De cariz exclusivamente individual, a competição foi promovendo os campeões de Portugal, sendo que Georgette Duarte e Matos Fernandes são os atletas que mais títulos conseguiram na história da modalidade. 

 

A atleta nascida na Moita representou o Belenenses e obteve 46 títulos nos anos quarenta e cinquenta do século passado, enquanto Matos Fernandes, que representou o Benfica, somou 37 títulos. Ambos o fizeram em várias disciplinas (ambos eram muito ecléticos, das corridas aos saltos, até mesmo o decatlo, no caso do benfiquista).

 

Na lista das mais campeãs surgem as lançadoras Adília Silvério (37 títulos) e Teresa Machado (34). Uma nota curiosa, que nos é dada pelo site Atletismo Estatística, dá conta dos 23 títulos de Fernanda Ribeiro, sendo que a atleta tem uma curiosidade: foi campeã com 24 anos de intervalo, entre 1985 (quando se sagrou campeã dos 3000 metros com 16 anos) e 2009 (campeã da maratona aos 40 anos)!

 

No sector masculino, atrás de Matos Fernandes, temos o barreirista José Carvalho (36 títulos).

 

João Vieira a dois títulos de ser o mais campeão

 

 

Entre os atletas atuais, atendendo aos que estão inscritos nestes campeonatos, João Vieira, no Sporting, já soma 35 títulos (entre pista e estrada, e ainda soma mais 20 títulos em pista coberta, o que faz o português com mais títulos em todas as vertentes do atletismo), e pode agora sagrar-se campeão numa distância pouco usual para ele ao ar livre, os 3000 metros marcha.

 

Depois dele, surgem Marco Fortes e Nelson Évora, ambos do Sporting, que somam 15 títulos.

 

Já no setor feminino, entre as atletas inscritas, as que mais títulos apresentam no seu palmarés são as sportinguistas Vânia Silva (com 18 títulos) e Sara Moreira (com 17).

 

Eles serão alguns dos protagonistas de uns Campeonatos de Portugal que terão vários despiques muito interessantes em diversas disciplinas, que abrangem todas as áreas, das corridas de velocidade, passando pelos saltos, até aos lançamentos.

 

As informações sobre os campeões de Portugal podem ser consultadas na página da estatística da Federação Portuguesa de Atletismo, podendo consultar-se os rankings atuais na página respetiva. 

 

 

Periodicidade Diária

sábado, 26 de setembro de 2020 – 10:54:59

Pesquisar

Como comprar fotos

Reportagens fotográficas em preparação

- 12 Horas do Estoril - Pitlane-Treinos Livres
 
publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...