Chineses dominam dia 1 da Taça Wuzhong

Tal como na primeira edição, em 2013, foram os atletas chineses a dominar a primeira jornada da Taça Wuzhong, «Volta ao Taihu», realizada este domingo com uma tirada de 11,7 km para masculinos e femininos.
 
 
O primeiro a evidenciar-se na meta foi o campeão olímpico dos 20 km, Ding Chen, que se impôs entre os homens com 46.42 m, no final de uma prova talvez não tão rápida quanto poderia esperar-se. Terminaria com uma curtíssima vantagem de um segundo sobre o compatriota Guanyu Su, enquanto o australiano Dane Bird-Smith concluía em 46.59 m.
 
 
Apesar de ter chegado à meta com os primeiros, o mexicano Eder Sánchez acabou penalizado com um minuto adicionado ao tempo final, ficando classificado na sétima posição, a 63 segundos do vencedor.
 
 
Pouco depois começariam a chegar as senhoras, num aceso despique entre Huanhuan Sun e Lyudmyla Olyanovska, com vantagem da chinesa, creditada na meta com 51.52 m, o mesmo tempo da ucraniana, classificada no segundo posto. Mais distante, Dandan Duan, júnior, também da China, foi a terceira neste primeiro dia, com 52.34 m.
 
 
Entre as portuguesas, Inês Henriques terminou no sétimo lugar, com 53.11 m, menos 22 segundos que Susana Feitor (53.33), nona classificada.
 
 
Num dia em que a temperatura andou pelos 25ºC à hora da prova, facto que levou algumas atletas a defender a existência de maior número de postos de refrescamento, as classificações colectivas começam também com a liderança das formações chinesas.
 
 
Em masculinos, o quarteto composto por Ding Chen, Tianlei Li, Guanyu Su e Hang Zhang totaliza 2.21.31 h, contra 2.25.42 h do trio Alka 1 (Robert Heffernan, Dane Bird-Smith, Erik Tisse) e 2.26.04 da China 2 (Jie Jiang, Yadong Luo, Sichao Xie, Wenmkui Gao).
 
 
Nas senhoras, comanda também folgadamente a China (Dandan Duan, Yongbo Hou, Huanhuan Sun e Lijuan Xie, 2.37.11), mais de três minutos e meio adiante do misto Polónia-Portugal-Espanha (Agnieszka Dygacz, Susana Feitor e Raquel González, 2.40.57). A formação da Rússia (Lina Bikulova, Evdokiya Korotkova, Irina Shushina e Tatiana Sibileva), com 2.41.19 h, entrará na segunda jornada posicionada no terceiro lugar, a apenas 22 segundos da posição de prata.
 
 
De assinalar que, nesta primeira jornada, o percurso consistiu numa volta única com a extensão total da tirada, facto que obrigou à solução não canónica de utilização de «sidecars» para o ajuizamento, com os juízes a pararem em diferentes postos de observação. O britânico Steve Taylor foi o juiz-chefe de serviço, função que na segunda jornada será assegurada pelo polaco Janusz Krynicki.
 
 
Paralelamente à prova competitiva, milhares de pessoas participaram numa caminhada sem fins de competição e que se desenrolou numa via lateral, transformando o evento desportivo num acontecimento de grande participação popular.
 
 
A segunda etapa terá uma distância semelhante à do primeiro dia, num percurso menos plano, com duas voltas a um circuito de aproximadamente seis quilómetros de perímetro.
 
 
Classificações
 
 
11,7 km masculinos
1.º, Ding Chen (China), 46.42
2.º, Guanyu Su (China), 46.43
3.º, Dane Bird-Smith (Austrália), 46.59
4.º, Andriy Kovenko (Ucrânia), 47.47
5.º, Caio Bomfim (Brasil), 47.18
6.º, Yadong Luo (China), 47.36
7.º, Eder Sanchez (México), 47.45
8.º, Evan Dunfee (Canadá), 47.45
9.º, Quentin Rew (Nova Zelândia), 48.11
10.º, Wang Kaihua (China), 48.12
11.º, Aleksander Yargunkin (Rússia), 48.19
12.º, Oleksiy Kazanin (Ucrânia), 48.22
(...)
 
 
Por equipas
1.ª, China 1 (Ding Chen, Tianlei Li, Guanyu Su, Hang Zhang), 2.21.31
2.ª, Alka 1 (Robert Heffernan, Dane Bird-Smith, Erik Tisse), 2.25.42
3.ª, China 2 (Jie Jiang, Yadong Luo, Sichao Xie, Wenmkui Gao), 2.26.04
 
 
11,7 km femininos
1.ª, Huanhuan Sun (China), 51.52
2.ª, Lyudmyla Olyanovska (Ucrânia), 51.52
3.ª, Dandan Duan (China), 52.34
4.ª, Yingqiu Su (China), 52.39
5.ª, Raquel Gonzalez (Espanha), 52.42
6.ª, Lijuan Xie (China), 52.45
7.ª, Inês Henriques (Portugal), 53.11
8.ª, Tatiana Sibileva (Rússia), 53.16
9.ª, Susana Feitor (Portugal), 53.33
10.ª, Lina Bikulova (Rússia), 53.57
11.ª, Yingliu Wang (China), 54.05
12.ª, Irina Shushina (Rússia), 54.06
(...)
 
 
Por equipas
1.ª, China (Dandan Duan, Yongbo Hou, Huanhuan Sun,Lijuan Xie), 2.37.11
2.ª, Polónia-Portugal-Espanha (Dygacz Agnieszka, Susana Feitor, Raquel Gonzalez), 2.40.57
3.ª, Rússia (Lina Bikulova, Evdokiya Korotkova, Irina Shushina, Tatiana Sibileva), 2.41.19
 
 
O Marchador

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...