14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

Liu e Dmytrenko vencem challenge mundial. Cabecinha no pódio

O ucraniano Ruslan Dmytrenko e a chinesa Hong Liu, foram os vencedores da edição deste ano do challenge mundial da marcha atlética, instituído pela Federação Internacional de Atletismo e que culminou com a realização dos Campeonatos Europeus de Atletismo. Ana Cabecinha classificou-se no terceiro lugar.
 
 
A classificação geral apresenta nomes de 37 atletas masculinos e de 25 atletas femininos, todos eles tendo realizado, pelo menos, três competições internacionais e em lugares pontuáveis, como o regulamento obriga. As 12 provas incluídas no challenge foram realizadas nos cinco continentes e inseriram-se, por ordem de importância e consequentemente de maior valoração, nas categorias A (Taça do Mundo, Taicang), B (Chihuahua, e Corunha), e C (Hobart, Cochabamba, Lugano, Nomi, Rio Maior, Podebrady, Marraqueche, e Zurique-Europeus).
 
 
No setor masculino, Dmytrenko, vencedor dos 20 km da Taça do Mundo, foi o mais regular nos três eventos em que participou, obtendo 29 pontos, com vários pontos também amealhados em Lugano, que venceu, e nos europeus de Zurique, que que se classificou na quarta posição, sendo seguido do australiano Jared Tallent, vencedor da edição de 2013, com 23 pontos.
 
 
No setor feminino, Liu, foi a incontestável vencedora, com 34 pontos, vencendo em Lugano e na Corunha, e sendo segunda na Taça do Mundo. Seguiu-se-lhe a italiana Eleonora Giorgi, com 23 pontos.
 
 
Curiosamente, os atletas posicionados nos terceiros lugares falam português. No sector feminino, a algarvia Ana Cabecinha, treinada por Paulo Murta, realizou cinco competições, totalizando 22 pontos e repetindo o lugar do ano passado enquanto, no sector masculino, o brasileiro Caio Bonfim, o primeiro do país irmão a merecer a distinção de um lugar no pódio, treinado pelos seus pais, João Evangelista Bonfim e Gianetti Oliveira Bonfim, competiu em cinco eventos, obtendo 18 pontos. Inês Henriques, segunda classificada em 2013, classificou-se no 4.º lugar.
 
 
Classificação final (IAAF)
 
 
Femininos
1.ª, Hong Liu (China), 34 pontos (3 provas)
2.ª, Eleonora Giorgi (Itália), 23 (4)
3.ª, Ana Cabecinha (Portugal), 22 (5)
4.ª, Inês Henriques (Portugal), 17 (5)
5.ª, Anežka Drahotová (República Checa), 14 (4)
6.ª, Sandra Arenas (Colômbia), 14 (3)
7.ª, Lyudmyla Olyanovska (Ucrânia), 13 (3)
8.ª, Claudia Balderrama (Bolívia), 11 (3)
9.ª, Mirna Ortíz (Guatemala), 11 (4)
10.ª, Kelly Ruddick (Austrália), 10 (3)
11.ª, Erica De Sena (Brasil), 10 (3)
12.ª, Ainhoa Pinedo (Espanha), 9 (4)
13.ª, Mayra Perez (Guatemala), 7 (3)
14.ª, Mária Gáliková (Eslováquia), 5 (3)
15.ª, Laura Reynolds (Irlanda), 5 (4)
16.ª, Susana Feitor (Portugal), 5 (4)
17.ª, Neringa Aidietyte (Lituânia), 4 (4)
18.ª, Viktória Madarász (Hungria), 4 (3)
19.ª, Wendy Cornejo (Bolívia), 4 (3)
20.ª, María José Poves (Espanha), 3 (4)
21.ª, Agnieszka Dygacz (Polónia), 3 (3)
22.ª, Katarzyna Burghardt (Polónia), 3 (3)
23.ª, Beatriz Pascual (Espanha), 3 (3)
24.ª, Paola Pérez (Equador), 2 (3)
25.ª, Cornelia Swart (África do Sul), 1 (3)
 
 
Masculinos
1.º, Ruslan Dmytrenko (Ucrânia), 29 pontos (3 provas)
2.º, Jared Tallent (Austrália), 23 (5)
3.º, Caio Bonfim (Brasil), 18 (5)
4.º, Matej Tóth (Eslováquia), 17 (5)
5.º, Erick Barrondo (Guatemala), 17 (3)
6.º, Miguel Ángel López (Espanha), 16 (3)
7.º, Omar Zepeda (México), 16 (3)
8.º, Omar Segura (México), 15 (3)
9.º, Dane Bird-Smith (Austrália), 14 (4)
10.º, Isamu Fujisawa (Japão), 11 (3)
11.º, Evan Dunfee (Canadá), 11 (3)
12.º, Lebogang Shange (África do Sul), 9 (4)
13.º, Jesús Tadeo Vega (México), 8 (3)
14.º, Grzegorz Sudol (Polónia), 8 (4)
15.º, Chris Erickson (Austrália), 7 (3)
16.º, Giorgio Rubino (Itália), 7 (3)
17.º, Igor Glavan (Ucrânia), 7 (3)
18.º, Rafal Augustyn (Polónia), 6 (4)
19.º, Iñaki Gómez (Canadá), 6 (3)
20.º, Rafal Fedaczynski (Polónia), 5 (4)
21.º, João Vieira (Portugal), 5 (3)
22.º, Marco Antonio Rodríguez (Bolívia), 4 (3)
23.º, Rhydian Cowley (Austrália), 4 (3)
24.º, Sérgio Vieira (Portugal), 4 (3)
25.º, Hagen Pohle (Alemanha), 4 (3)
26.º, Marco De Luca (Itália), 3 (4)
27.º, Kevin Campion (França), 3 (3)
28.º, Tadas Šuškevicius (Lituânia), 3 (3)
29.º, Adam Rutter (Austrália), 3 (3)
30.º, José Alessandro Bagio (Brasil), 2 (3)
31.º, Robert Heffernan (Irlanda), 2 (3)
32.º, Erik Tysse (Noruega), 2 (5)
33.º, Anton Kucmin (Eslováquia), 1 (5)
34.º, Álvaro Martín (Espanha), 1 (3)
35.º, Iván Garrido (Colômbia), 1 (3)
36.º, Pedro Isidro (Portugal), 1 (3)
37.º, Hichem Medjeber (Argélia), 1 (3)
 
 
O Marchador

Periodicidade Diária

terça-feira, 17 de setembro de 2019 – 23:06:04

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...