18 anos ao serviço do Desporto em Portugal

publicidade

 

Notícias

M20 EHF Euro 2024: Nota máxima na estreia lusa em Celje

Seleção Nacional sub-20 Masculina derrotou a congénere da Grécia por 40-22 no primeiro jogo do Grupo B da Ronda Preliminar; Próximo compromisso será contra a Sérvia esta quinta-feira às 13h20 – transmissão em direto na EHF TV.
 
A estreia no M20 EHF Euro 2024 foi como se esperava: séria, competente e selada com um triunfo expressivo, frente à Grécia, por 18 golos de vantagem.
 
Agora é tempo de recuperar porque em pouco menos de 24 horas Portugal vai novamente entrar em campo, desta vez frente à Sérvia, a partir das 13h20, desta quinta-feira, a contar para a segunda jornada do Grupo B. O jogo decisivo, a valer a entrada direta no Main Round, está agendado para este sábado, às 18h00, diante da Alemanha.
 
7 inicial: Diogo Rêma Marques, Nuno Oliveira, Ricardo Rocha, Filipe Monteiro, Tomás Teixeira, José Ferreira e Ricardo Brandão.
 
O jogo começou da melhor maneira para Portugal, com um parcial de 4-0, em quatro minutos e com quatro marcadores diferentes, para além de duas defesas madrugadoras de Diogo Rêma Marques pelo meio. A Grécia marcou o primeiro golo pouco depois (4-1) por Stefanos Rarakos.
 
De seguida, o guardião do FC Porto ajudou a Seleção Nacional a aumentar a diferença para cinco golos (6-1), ainda antes dos seis minutos. Seguiu-se um período no qual Portugal perdeu alguma força e concentração e em que a Grécia melhorou ligeiramente na defesa, aproveitando para reduzir a margem para apenas dois golos (7-5), perto dos 10 minutos.
 
Aos 16’ apareceu a primeira exclusão da partida, para um homem da Grécia, numa altura em que Portugal já tinha voltado a tomar conta do jogo. Na primeira ação ofensiva em superioridade numérica, os lusos chegaram pela primeira vez aos seis golos à maior (11-5), o que motivou um pedido de time-out por parte do treinador grego. Nesta altura, Diogo Rêma Marques contabilizava cinco defesas e 50% de eficácia, enquanto que Nuno Oliveira liderava a lista de marcadores com três golos.
 
Após a paragem, Carlos Martingo promoveu uma pequena “revolução” no xadrez luso, mas os níveis de qualidade e confiança aumentaram e, num ápice, o marcador disparou para uns redondos 10 golos de diferença (16-6), aos 23 minutos. Até ao descanso, a vantagem portuguesa chegou aos 12 golos que se mantiveram após o soar da buzina.
 
Afonso Mendes destacou-se na reta final da primeira parte e avançou para o topo da lista de artilheiros ao fim de trinta minutos, com quatro golos marcados.
 
Intervalo: 19-7
 
Na segunda parte estreou-se Bernardo Almeida na baliza lusa e a reentrada da Grécia foi profundamente melhor do que no início da partida, o que ajudou a manter o jogo debaixo de um equilíbrio como pouco se havia visto até então. No entanto, Portugal não se conformou com a vantagem confortável e fez-se valer dos melhores argumentos para desbloquear 14 golos à maior à entrada dos 40 minutos (27-13), com apenas cinco remates falhados em 32 efetuados. 
 
A vitória estava praticamente fechada e com o favoritismo justificado em pleno pela Seleção Nacional que, aos 48 minutos, apresentava uma defesa profunda e viu a Grécia pedir time-out com o marcador em 35-18. O jogo baixou de ritmo, o rendimento caiu de parte a parte e o jogo não terminou sem que antes Carlos Martingo colocasse em prática o sistema 7×6 durante alguns minutos. Nuno Oliveira (sete golos), Ricardo Brandão (seis golos) ou mesmo Filipe Monteiro e Gabriel Conceição (quatro assistências cada) foram alguns dos destaques lusos no primeiro jogo do Europeu, em Celje, na Eslovénia.
 
Resultado Final: 40-22
MVP: Bruno Correia
Top Scorer: Nuno Oliveira – 7 golos (88% de eficácia) e 1 assistência
 
Carlos Martingo não podia estar mais satisfeito no final da partida inaugural do Europeu: “Sabíamos que a Grécia era um adversário perfeitamente ao nosso alcance, no entanto, entrámos concentrados e rigorosos, com boa defesa, o que nos permitiu ter, desde o primeiro minuto, o jogo controlado e, assim, também uma maior rotação e minutos a todos os jogadores [com exceção do Miguel Oliveira]. Este encontro permitiu-nos jogar com três sistemas defensivos diferentes, trabalhámos situações que ainda não tínhamos testado em jogo, portanto, todos os objetivos para a primeira jornada foram concretizados.”
 
O líder da equipa lusa garante que é necessário ter cautela face aos argumentos do próximo adversário, mas acredita que será mais um teste ao alcance de Portugal: “O jogo de amanhã vai ser muito difícil, embora a Sérvia seja uma seleção do terceiro pote, é a mais forte do mesmo. Já temos bastante informação sobre eles mas ainda estamos a aguardar o jogo de hoje com a Alemanha, no entanto, sabemos o nosso valor e que se estivermos ao nosso melhor nível conseguiremos a vitória.”
 
Arbitragem portuguesa no Europeu
A dupla lusa composta por Rúben Maia e André Nunes é a única a representar Portugal no M20 EHF Euro 2024 e também já se estrearam, esta quarta-feira, em Laško, no jogo entre Islândia e Ucrânia que terminou com um triunfo expressivo dos nórdicos, por 49-22. Também o delegado português Manuel da Conceição foi nomeado para assumir as funções de Supervisor no jogo entre Dinamarca e Itália (38-21) e de Observador no duelo entre Eslovénia e Israel, ambos desta quarta-feira.
 
Formato da Competição
A Ronda Preliminar do M20 EHF Euro 2024 é composta por seis grupos de quatro equipas. Para o Main Round apenas avançam os primeiros classificados de cada um deles, a quem se juntam os dois melhores segundos classificados e aí ficará definido o top-8 da competição. Os restantes segundos classificados e os melhores terceiros da Fase de Grupos vão disputar a Intermediate Round, que vai definir as posições entre o 9.º e o 16.º na tabela final. Os últimos classificados da Ronda Preliminar e os piores terceiros juntam-se na Elimination Round que irá atribuir as últimas oito posições (17-24) do M20 EHF Euro 2024.
 
Bilhetes já disponíveis
Os bilhetes para o M20 EHF Euro 2024 na Eslovénia já estão à venda e pode adquirir o seu ingresso diário (10€) ou o pack para a Fase Preliminar (25€), AQUI.
 
M20 EHF Euro 2024
Calendário (hora portuguesa):
Grupo B
10.07.2024 – 13h20 – Portugal x Grécia, 40-22 (19-7)
11.07.2024 – 13h20 – Sérvia x Portugal, EHF TV
13.07.2024 – 18h00 – Alemanha x Portugal, EHF TV
 
O M20 EHF Euro 2024 decorre em Celje, na Eslovénia, entre 10 e 21 de julho de 2024. A transmissão em direto de todos os jogos do ficará a cargo da EHF TV.
 
©️ Jurij Vodušek / Rokometna zveza Slovenije
 

Periodicidade Diária

sábado, 13 de julho de 2024 – 19:03:18

Pesquisar

Como comprar fotos

publicidade

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...