14 anos ao serviço do Desporto em Portugal

Feira Quinhentista regressa a Sintra

 

De 18 a 21 de julho, a Praça D. Fernando II, em São Pedro de Sintra, recebe mais uma edição da Feira Quinhentista, recriando um mercado de época, com entrada livre.

 

Serão quatro dias de feira, onde poderá conhecer alguns dos ofícios da época de D. Manuel I, como a tinturaria, a tecelagem e a moagem.

 

Esta recriação histórica contará com animação permanente num ambiente de festa com personagens do povo e da nobreza recriando várias situações do quotidiano em interação com o público, assim como quiosques destinados à venda de diversos produtos.

 

Em 1502 estando D. Manuel I nos Paços de Sintra, recebeu a notícia de que a armada de Vasco da Gama estaria a chegar a Lisboa, o Rei decidiu subir à Capela de Nossa Senhora da Pena, no cimo da Serra de Sintra, para daí avistar a referida armada a entrar no Tejo.

 

A presença de D. Manuel I nos Paços de Sintra, local escolhido pelo monarca para seu descanso pelos bons ares e abundância de caça é o mote para a realização da Feira Quinhentista de Sintra 2019.

 

À Feira acorrem embaixadores, pintores, poetas, músicos, escritores, capitães de armada e marinheiros, que se juntam aos vendedores, taberneiros e artífices, dando à vila o movimento próprio de uma cidade.

 

Atraída pelos pregões dos vendedores, a nobreza vem à feira divertir-se e mostrar como se dança no paço d´el Rei. Vem também o Bobo e Mestre Gil Vicente, figura de destaque nesta corte que não falta a uma boa feira, procurando inspiração para a criação dos seus autos e, quem sabe se não consegue no meio de tanta gente, descobrir novos talentos da arte de representar.

 

Nestas ocasiões, o povo aproveita para se divertir com os malabaristas ou com os gaiteiros que ali aparecem criando situações de uma certa euforia popular.

 

Na feira encontra-se também Duarte D´Armas, encarregado de fazer o desenho de todas as fortalezas e castelos do Reino, que fará “visitas guiadas” a Sintra a partir dos seus “3 debuxos das vistas de Cintra”. E não será o único a contar os seus feitos ao público, “Martim Afonso, marinheiro da carreira das Índias” fará o relato da sua viagem a bordo de uma nau da carreira das Índias.

 

O visitante desta feira poderá ainda conhecer melhor a arte da falcoaria, que estará representada com uma exposição de aves e demonstração de voo, bem como alguns ofícios tradicionais como a cestaria, a azulejaria, a cerâmica e olaria e a carpintaria.

 

No sábado às 16h00 será apresentada uma palestra pelo prof. Sérgio Luís de Carvalho: O quarto cavaleiro do Apocalipse: A Peste Negra em Sintra (do séc. XIV ao séc. XVI).

 

A Feira Quinhentista é organizada pela Câmara Municipal de Sintra, produzida pela Câmara dos Ofícios, e com apoio da União de Freguesias de Sintra.

 

Horário:

18 e 19 de julho – 17h00 às 24h00

20 de julho – 13h00 às 24h00

21 de julho – 13h00 às 23h00

 

Periodicidade Diária

domingo, 15 de dezembro de 2019 – 19:00:07

 

 
Feliz Natal e um
 
Próspero Ano Novo
 
 
Boas Festas!
 

 

Pesquisar

Vamos ajudar!

Como comprar fotos

Atenção! Este portal usa cookies. Ao continuar a utilizar o portal concorda com o uso de cookies. Saber mais...